iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

24/06 - 10:51

Dinamite ameaça retirar estátua de Romário. Baixinho rebate.
Candidato da oposição para a presidência do Vasco, o ex-atacante Roberto Dinamite promete mudanças radicais no clube. A começar pelas homenagens a Romário

Gazeta Esportiva

O dirigente, que viu sua chapa eleger 120 conselheiros em eleição do último sábado, garante não ter nada contra o Baixinho, mas discorda da aposentadoria da camisa 11 do artilheiro e de sua estátua colocada em São Januário após passar da marca dos mil gols.

“A forma de homenagear um atleta não é guardando uma camisa no armário. Se colocarmos estátuas de todos os ídolos teria que colocar uma do Ademir, do Barbosa, do Vavá e até uma minha'', justificou Dinamite, confiante em sua vitória no pleito presidencial da próxima sexta-feira por conta do resultado da eleição no último final de semana. “Não acredito em derrota”.

Um dia depois da ameaça de Dinamite em retirar as homenagens, o recém-aposentado Romário demonstrou que continua com a língua afiada. “Eu mando na minha casa e cada um manda na sua. Essas coisas do futebol não me magoam. Estou acostumado às palhaçadas do futebol”, disparou o ex-atacante, em entrevista ao jornal O Dia.

“Se ela (estátua) continuar lá em São Januário, eu vou achar bacana. Mas, se quiserem tirá-la de lá, ninguém vai morrer. Sou um cara realizado. Eu vou continuar feliz. Minha mulher, minha mãe, meus filhos vão continuar felizes do mesmo jeito que são hoje', finalizou Romário.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo