iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

23/06 - 13:51

Diretor-técnico da Uefa diz que Rússia tem vantagem por seu calendário
O escocês Andy Roxburgh, diretor-técnico da Uefa, acredita que a Rússia tem vantagem em relação a Espanha, Alemanha e Turquia, pois está na metade de sua temporada, enquanto os outros semifinalistas da Eurocopa chegaram à competição após uma longa campanha nos campeonatos locais

EFE

"As Copas do Mundo e as Eurocopas costumam ser disputadas ao final de uma longa e dura temporada. Quando fui técnico da seleção da Escócia lembro que disputamos o torneio europeu em 1992 e nosso principal problema era a recuperação dos jogadores. Era um cansaço mais mental do que físico", declarou Roxburgh em entrevista coletiva.

Roxburgh - que também treinou a Escócia na Copa do Mundo de 1990, na Itália, na qual perdeu para o Brasil por 1 a 0 na primeira fase - acha que, por este motivo, a seleção russa dirigida pelo holandês Guus Hiddink tem vantagem.

"É claro que o fato de a seleção russa estar no meio da temporada pode ser uma vantagem e, com certeza, a forma como jogaram contra a Holanda sugere isto", declarou ao fazer o balanço técnico da competição.

"Eles parecem mais fortes conforme avançam na competição.

Entretanto, também é preciso dizer que eles jogaram cada vez melhor e que Hiddink merece vários elogios", acrescentou.

O diretor-técnico da Uefa afirmou ainda que as substituições realizadas pelos treinadores estão sendo decisivas, e por isto tantos gols estão sendo marcados nos minutos finais.

Roxburgh anunciou que foram feitos sete gols nos acréscimos e se surpreendeu que apenas um tenha sido marcado em cobrança de falta, o do meia alemão Michael Ballack contra a Áustria.

"Talvez os defensores estejam mais preparados e não cometam faltas em locais perigosos", argumentou.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo