iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

23/06 - 10:02

Cuca diz que Santos sentiu pressão de torcida na Vila
Cabisbaixo, o treinador Cuca, do Santos, tentou apontar culpados pela goleada de 4 a 0 para o Goiás, na noite de domingo, na Vila Belmiro, que colocou a equipe na vice-lanterna do Brasileirão

Agência Estado

Para o treinador, alguns jogadores sentiram a pressão da torcida.

"Eu vi que alguns jogadores tentavam não tocar muito na bola para evitar a torcida. Eu, pelo que senti, percebi que este grupo prefere jogar fora de casa do que na Vila", disse o treinador.

Ao ser indagado sobre o fato de que esta foi apenas a segunda derrota da equipe na Vila Belmiro nesta temporada, Cuca tentou amenizar. "Eu disse que, durante o jogo, quando tomou o primeiro e segundo gols, o time de perder e alguns jogadores, como o Wesley, o Tabata e o Marcelo se perderam pela cobrança, que vem de longe."

Apesar de não querer apontar culpados, Cuca deixou nas entrelinhas que o trabalho do ex-treinador, Emerson Leão, não foi bom para o futuro da equipe. "Quando se pega um trabalho 'zerado', você dá uma arrancada. Não quero tecer comentário nenhum sobre o passado, mas nesta semana tivemos um trabalho físico muito forte para melhorar o condicionamento físico do grupo, e a tendência é melhorar."

Com apenas um ponto em três jogos à frente do Santos, Cuca ainda promete à torcida uma melhora significativa da equipe. "Tomar de quatro aqui [Vila Belmiro] é horrível, mas quem sabe isso não é um começo para a recuperação da equipe? Quando não der na técnica tem que dar no coração. Tenho confiança no meu trabalho e podem me cobrar a médio prazo sobre a situação do Santos, e não agora, com apenas dez dias de trabalho."


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo