iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

23/06 - 11:14

Azarões, Rússia e Turquia sofrem com desfalques
As seleções da Rússia e da Turquia terão que suprir importantes desfalques para continuar protagonizando surpresas na Eurocopa, desta vez nas semifinais, onde enfrentarão, respectivamente, a Espanha e a Alemanha

Gazeta Esportiva

Enquanto as duas “favoritas” contam quase com força máxima, exceto os germânicos, com o meia Frings lesionado, os dois candidatos à zebra sofrem com baixas.

O caso mais grave é dos turcos, já que o técnico Fatih Terim não contará com nada mais nada menos que dez jogadores para o duelo com os maiores campeões da história da Euro. Os meias Tumer Metin e Emre Belozoglu estão machucados desde o início do torneio, enquanto o zagueiro Emre Gungor e o volante Ayhan Akman tornaram-se baixas após a fase de grupos.

Já na última sexta-feira, na épica vitória sobre a Croácia, o zagueiro Servet Çetin se lesionou e dificilmente pega os alemães. No mesmo jogo, o atacante Nihat Kahveci, herói da classificação na primeira fase, também acabou se contundindo, foi cortado da delegação neste domingo e retornou para a Espanha, onde defende o Villarreal, para fazer tratamento.

Completando a lista de desfalques da Turquia, Tuncay Sanli, Arda Turan e Emre Asik receberam o segundo amarelo ante os croatas e estão fora do duelo desta quarta-feira. Por fim, o goleiro titular, Volkan Demirel, cumprirá o último jogo de suspensão por sua expulsão contra a República Tcheca, na última rodada da primeira fase.

Desta forma, Fatih Terim contará com apenas 11 jogadores de linha e mais os dois arqueiros reservas no duelo com a Alemanha. Por isso, o treinador já adiantou que estuda escalar o terceiro goleiro, Tolga Zengin, do Trabzonspor, na linha, aproveitando-se de sua estatura. “Ele poderia entrar no fim como líbero ou centroavante”, despistou Terim.

Na Rússia, o problema não é tão grave, mas os desfalques também dão dor de cabeça ao holandês Guus Hiddink para o duelo com a Espanha na quinta-feira. O lateral Denis Kolodin e o meia-atacante Dmitri Torbinski receberam o segundo amarelo na vitória por 3 a 1 sobre a Holanda nas quartas e cumprem gancho.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo