iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

21/06 - 23:51

No Barradão, Vitória recebe o motivado Internacional
Embalado após a vitória por 2 a 1 contra o Botafogo na última rodada, o Internacional entra em campo neste domingo em busca de algo inédito no Campeonato Brasileiro: obter duas vitórias consecutivas

Gazeta Esportiva

Para isso, no entanto, o Colorado terá que passar pelo Vitória em pleno Estádio do Barradão, em partida válida pela sétima rodada do torneio nacional e com início marcado para as 16 horas (de Brasília).

O resultado obtido na última semana no Beira-Rio fez com que o Inter deixasse para trás uma série de quatro partidas sem ganhar (amargou três derrotas e um empate). Com o triunfo na estréia do técnico Tite, o clube porto-alegrense fugiu da zona de rebaixamento e aparece agora na 14ª colocação, com sete pontos.

O Vitória também vive um momento não tão conturbado. A equipe soteropolitana é dona da décima posição do Brasileirão, com um ponto a mais do que os gaúchos. O Rubro-negro baiano, contudo, não perde há dois jogos, já que venceu o Santos por 1 a 0 no Barradão pela quinta rodada e arrancou um empate sem gols com o Coritiba no Couto Pereira há uma semana.

Tite, no entanto, não quer ‘apenas’ os três pontos na tabela. O treinador, campeão da Copa do Brasil de 2001 pelo arqui-rival Grêmio, pediu a seus comandados uma boa exibição durante. De acordo com o técnico colorado, essa é a única possibilidade de a equipe conseguir se recuperar no Brasileirão.

“Temo que jogar bem e vencer. Jogar bem e vencer”, repetiu Adenor Bacchi. “Isso dá personalidade e confiança para o grupo. Não acredito em futebol de resultado, em time que tem o goleiro como melhor em campo, leva duas bolas na trave e acaba achando um gol. A segurança do jogador só é conseguida com um bom futebol”, complementou.

Para ficar mais seguro, o time do Inter poderá contar com dois reforços importantes: o meia Alex, principal jogador da equipe após a saída do atacante Fernandão para o Al-Gharafa, e o atacante Nilmar.

Alex, que cumpriu suspensão contra o Botafogo, foi absolvido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pela acusação de reclamação veemente e escapou de um ganho que poderia chegar a até quatro partidas.

Nilmar, que também não encarou o Alvinegro do Engenhão, foi liberado pelo departamento médico do Inter. O atacante sentia dores musculares na perna direita, mas poderá formar a dupla de ataque com Adriano ou Gil.

Em contrapartida, os porto-alegrenses não terão três titulares contra o Vitória: o lateral-direito Ricardo Lopes e o zagueiro Sidnei, suspensos, e o goleiro Renan, que estará a serviço da seleção brasileira olímpica no amistoso contra o combinado carioca.

No Vitória, apenas uma alteração foi confirmada pelo técnico Vagner Mancini: suspenso, o goleiro Viáfara será substituído pelo reserva imediato Ney. Nas demais posições, o treinador realizou uma série de testes ao longo da semana em relação ao grupo que encarou o Coxa, mas não antecipou a escalação da equipe.

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA-BA X INTERNACIONAL-RS

Local:
Estádio Barradão, em Salvador (BA)
Data: 22 de junho de 2008, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Assistentes: Émerson Augusto de Carvalho (SP/Fifa) e Guilherme Dias Camilo (MG)

VITÓRIA: Ney; Marco Aurélio (Daniel), Leonardo Silva, Anderson Martins e Marcelo Cordeiro; Vanderson, Marco Antônio, Willians (Ramón); Marquinhos e Rodrigão (Dinei)
Técnico: Vagner Mancini

INTERNACIONAL: Clemer, Maycon (Bustos), Índio, Orozco e Marcão; Edinho, Guiñazú, Magrão e Alex; Nilmar e Adriano (Gil)
Técnico: Tite


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias