iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

19/06 - 18:50

“Rebaixado” de titular a quarto reserva, Josué não se abate
A cobrança pela definição de um conjunto como base definitiva na seleção brasileira virou clamor nacional e a constatação de que esse é um dos problemas da equipe dirigida por Dunga ficou evidente no jogo contra a Argentina. Titular do meio-campo da equipe no amistoso em que o Brasil bateu o Canadá e na derrota por 2 a 0 diante do Paraguai, o volante Josué, do Wolfsburg, da Alemanha, foi “rebaixado” para quarta opção do setor na partida contra os argentinos.

Gazeta Esportiva

Além de perder a posição para Anderson, o ex-são-paulino assistiu, do banco de reservas, o colega, contundido, dar espaço para Diego e, pouco depois, para o lateral-direito Daniel Alves, improvisado por Dunga no setor de criação.

Mesmo assim, Josué deixou o Mineirão garantindo não ter se abatido com a repentina queda de sua popularidade junto ao treinador. E considerou certas as duas alterações feitas por Dunga no empate contra a Argentina.

“Não me sinto mal de nenhuma forma. Todos têm condições de jogar e estão tentando aproveitar da melhor maneira as oportunidades. O Diego, o Anderson e o Daniel Alves são mais ofensivos e o Dunga foi justo em suas escolhas”, contemporizou.

Assim como o restante do grupo, o volante acredita que o Brasil não corre riscos de ficar fora do Mundial da África do Sul e que conseguirá a vaga para a Copa de 2010 sem maiores sustos. “O grupo é bom e precisa apenas de tranqüilidade para trabalhar, mas as coisas darão certo e não tenho dúvida alguma de que o Brasil irá à Copa”, concluiu.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo