iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

18/06 - 17:50

Já classificada, Fúria despacha atuais campeões da Grécia
Já classificada para as quartas-de-final da Eurocopa, a Espanha despachou nesta quarta-feira os atuais campeões da Grécia, com uma vitória por 2 a 1. Com isso , os gregos se despedem da competição sem sequer terem conquistado um ponto.

Gazeta Esportiva

Na história, as duas seleções haviam se enfrentado em nove oportunidades, com seis vitórias da Espanha, dois empates, e apenas um triunfo grego. No jogo desta quarta-feira, no Estádio Wals-Siezenheim, em Salzburgo, na Áustria, a superioridade da Fúria se manteve.

Na partida, válida pela última rodada do Grupo D, foi a Grécia, no entanto, que saiu na frente no placar, no final do primeiro tempo. Aos 41 minutos, após uma falta cruzada na área espanhola, Charisteas cabeceou forte no canto direito, sem dar chances para o goleiro Reina.

Já no segundo tempo, logo aos 15 minutos, a Espanha conseguiu recobrar a igualdade, quando Fabregas lançou uma bola na área, Güiza ajeitou de cabeça e de La Red, completou, chutando forte.

O gol da vitória só sairia aos 42 minutos da etapa complementar, após muita pressão por parte da Fúria. Em jogada individual, Garcia cruzou na lateral direita e Güiza cabeceou, fazendo com que a Espanha virasse.

A Espanha, que se classificou ao lado da Rússia na Grupo D, enfrenta seleção italiana nas quartas-de-final, que conseguiu a vaga ao derrotar a França, na última terça-feira. Já a Grécia, sem pontos, se despede da competição de forma melancólica.

 

FICHA TÉCNICA
GRÉCIA 1 X 2 ESPANHA

Local: Estádio Wals-Siezenheim, em Salzburgo (Áustria)
Data: 18 de junho de 2008, quarta-feira
Horário: 15h45 (de Brasília)
Árbitro: Howard Webb (Inglaterra)
Cartões amarelos: Karagounis, Basinas, Vintra (Grécia), Güiza e Arbeloa (Espanha)

Gols: GRÉCIA: Charisteas, aos 42 minutos do primeiro tempo.
ESPANHA: De la Red, aos 16, e Güiza, aos 43 minutos do segundo tempo.  

GRÉCIA: Nikopolidis, Vintra, Kyrgiakos (Antzas), Dellas e Spiropoulos; Basinas, Katsouranis, Salpingidis (Giannakopoulos), Karagounis (Tziolis) e Amanatidis; Charisteas.
Técnico: Otto Rehhagel

ESPANHA: Reina, Arbeloa, Albiol, Juanito e Navarro; De la Red, Xabi Alonso, Sergio García, Fábregas e Iniesta (Cazorla); Güiza.
Técnico: Luis Aragonés


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo