iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

16/06 - 14:10

Dunga garante: time renderá mais contra a Argentina
A apática atuação na derrota por 2 a 0 para o Paraguai ficará no passado, e o Brasil jogará um futebol totalmente diferente no clássico desta quarta-feira, contra a Argentina, com o apoio da torcida no Mineirão, em Belo Horizonte. Quem garante a evolução é o técnico Dunga, que admitiu o mau desempenho em Assunção, mas assegurou que o time melhorará.

Gazeta Esportiva

“Estes jogadores já mostraram o seu temperamento, a sua qualidade, a sua personalidade, são acostumados a lidar com as críticas. Eles já deram muita alegria aos torcedores e querem dar novamente. Não rendemos o nosso melhor contra o Paraguai, mas renderemos muito mais contra a Argentina”, apostou o comandante.

“Temos que reconhecer que a equipe não foi bem contra o Paraguai tanto coletivamente quanto no individual, mas, conhecendo estes jogadores, tenho certeza de que o time melhorará contra a Argentina, e isso dá tranqüilidade”, completou o treinador, que fez mistério sobre a escalação, adiando a definição para o treino desta terça-feira, mas demonstrou que não deve fazer grandes alterações para o jogo de quarta-feira.

“Não é porque não conseguimos o resultado que teremos que mudar os jogadores. Às vezes mudar atitude é melhor do que mudar o time. Vou conversar com os jogadores, analisar, mas não é uma partida que muda a nossa forma de jogar, nossas convicções. Vamos buscar a recuperação contra a Argentina e tentar voltar a jogar o futebol que vínhamos jogando antes”, prometeu Dunga.

Para cumprir a promessa e mostrar em campo um time com mais vontade, diferente do visto no decepcionante duelo com o Paraguai, o treinador do time canarinho espera contar com o apoio da torcida. Na noite deste domingo, alguns torcedores receberam a seleção no Aeroporto de Confins, em Belo Horizonte, mas não mostraram muita animação.

“O povo mineiro mostrou seu carinho e a admiração que tem pela seleção brasileira ontem (domingo). Mesmo depois da derrota, o que é difícil, o torcedor mostrou maturidade, veio ao aeroporto pedir autógrafo, tirar fotos com os jogadores. Sei que isso não vai ser diferente durante o jogo e vão nos apoiar por saberem da dificuldade da partida contra a Argentina”, acreditou.

“Brasil e Argentina é um jogo com sentimento muito grande na América do Sul, são duas grandes seleções e a motivação é a maior possível. Temos que nos preparar da melhor maneira para fazer uma grande partida”, finalizou o técnico.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo