iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

16/06 - 17:41

Bomba de Ballack evita vexame e Alemanha pega Portugal
A zebra não passou pelo grupo B da Eurocopa deste ano. Precisando ao menos empatar para ir às quartas-de-final, a Alemanha eliminou outra anfitriã, a Áustria, com um golaço de Ballack em cobrança de falta que garantiu a vitória por 1 a 0.

Gazeta Esportiva

Resultado que coloca os germânicos no caminho de Portugal, na próxima fase.

Antes do esperado duelo, marcado para as 15h45 (de Brasília) da próxima quinta-feira, na Basiléia, na Suíça, os alemães não mostraram um bom futebol. Porém, depois de um primeiro tempo morno, se assegurou em segundo lugar na chave com o gol assinalado por seu capitão ao três minutos do segundo tempo.

O jogo – Mesmo dependendo de um empate para seguir na Euro, a Alemanha entrou em campo com uma postura ofensiva. Podolski, Klose e Mario Gómez formavam o ataque do técnico Joachim Loew. No início, os austríacos bloqueavam sua área, mas a movimentação do trio originou grande chance desperdiçada de maneira incrível por Gómez.

Aos nove minutos, Klose limpou duas vezes seu marcador dentro da área pela direita e tocou para o camisa 9, que estava livre. Na pequena área e com o goleiro batido, o atacante do Stuttgart pegou errado. A bola foi para cima e o centroavante tentou se redimir de cabeça, mas a zaga cortou.

A oportunidade fez com que os alemães mantivessem a presença maciça na defesa anfitriã, mas a estratégia abria espaço para os austríacos. E os donos da casa se animaram e chegaram a dominar a partida por alguns minutos.

Entre os 17 e 20 minutos, a equipe mandante esteve perto de abrir o placar por pelo menos três oportunidades. Na primeira, Hoffer foi segurado por Mertesacker e pediu pênalti, que foi ignorado. Pouco depois, o atacante não conseguiu dominar e deixou bola fácil para Lehmann. Na terceira, o goleiro voltou a ter de intervir em bom arremate de fora da área de Aufhauser.

Depois dos sustos, os alemães retomaram a posse de bola e o cenário era o mesmo dos primeiros minutos: toque de bola tentando abrir espaços na maioria austríaca no campo mandante. Sem ser efetivos nesta postura, os tricampeões mundiais também não davam oportunidades, e o jogo seguiu para o intervalo sem emoções.

No segundo tempo, a Áustria voltou mais acesa, mas viu seu ânimo ser apagado com um golaço logo aos três minutos. Lahm sofreu falta na intermediária e Ballack, com uma bomba, fez um golaço na cobrança acertando o ângulo do goleiro Macho.

O gol “matou” o time austríaco. Os donos da casa esbarravam na postura alemã, que fechava sua defesa, e nos próprios erros. Eram raros os passes em profundidade que chegavam aos pés dos anfitriões no ataque.

A alternativa foi lançar a equipe para frente. Porém, a estratégia abriu espaços para os germânicos partirem no contra-ataque, sem eficiência. E assim, o último anfitrião desta Euro deu adeus à competição, que pela primeira vez não terá nenhum dono da casa na segunda fase.

 

FICHA TÉCNICA
ÁUSTRIA 0 X 1 ALEMANHA

Local: Estádio Ernst Happel, em Viena (Áustria)
Data: 16 de junho de 2008, segunda-feira
Horário: 15h45 (de Brasília)
Árbitro: Manuel Enrique Mejuto González (Espanha)
Assistentes: Juan Carlos Yuste Jiménez e Jesús Calvo Guadamuro (ambos da Espanha)
Cartões amarelos: Stranz, Hoffer e Ivanschitz (Áustria)

Gol:
ALEMANHA: Ballack, aos três minutos do segundo tempo.

ÁUSTRIA: Macho; Garics, Stranzl, Hiden (Leitgeb) e Pogatetz; Fuchs, Aufhauser (Saumel), Harnik (Kienast) e Korkmaz; Ivanschitz e Hoffer
Técnico: Josef Hickersberger

ALEMANHA: Lehmann; Friedrich, Metzelder, Mertesacker e Lahm; Frings, Fritz (Borowski), Ballack e Podolski (Neuville); Klose e Mario Gómez (Hitzlsperger)
Técnico: Joachim Löw


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo