iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

15/06 - 19:07

Imprensa de Colômbia e Peru destaca "apertado" empate pelas Eliminatórias
A imprensa de Peru e Colômbia destacou o equilíbrio entre os dois países no empate em 1 a 1 das duas seleções em Lima, pela quinta rodada das Eliminatórias Sul-americanas à Copa de 2010.

EFE

O "El Tiempo", de Bogotá, destacou que o Peru teve pelo menos seis chances claras com Guerrero, Solano e Mariño, que "felizmente não tiveram pontaria para conseguir o gol da vitória".

"A Colômbia conseguiu um belo ponto em Lima", comentou a publicação.

Já o "El Colombiano", de Medellín, disse que o empate "aumentou a crise na seleção peruana, o que pode representar a saída do treinador José del Solar".

Para a publicação, esta foi a atuação mais regular da seleção nestas Eliminatórias, apesar da falta de continuidade e das muitas falhas da equipe.

O "El Espectador" comentou que, "depois de gerar uma grande expectativa, a seleção da Colômbia não passou do empate com o Peru".

Com um simples "Peru e Colômbia empataram", o periódico "El País", de Cali, fez o seu título, acrescentando que o empate não serve de nada à seleção peruana, que conseguiu seu terceiro ponto em 15 disputados.

"O resultado serve muito aos comandados de Jorge Luis Pinto (treinador colombiano), que tem nove pontos e estão invictos", concluiu o jornal.

A imprensa peruana também deu espaço à dedicação da seleção da seleção de seu país contra a Colômbia, mas também destacou que o empate diminui ainda mais as chances de se classificar à Copa na África do Sul.

Para o "El Comercio", a equipe peruana é a "pior trabalhada" dos dez times sul-americanos que buscam quatro vagas para o Mundial.

Já o "La República" diz que o treinador José del Solar "não quis ganhar"e que a boa atuação peruana se deveu a Mariño, que "quis jogar e pediu a bola".

O jornal criticou Del Solar por causa de "seu ridículo sistema de 4-2-3-1".

"Precisava ganhar o jogo e, até os 29 minutos do segundo tempo, jogamos só com um atacante, como se tivéssemos pontos sobrando nas Eliminatórias e à frente de Argentina e Brasil", comentou o jornal.

O "Líbero" publicou que a vitória era possível e destacou os defeitos do adversário.

Mas o "Peru.21", o mais otimista de todos, disse que a seleção renovou com um empate "sua fé para buscar o triunfo no Uruguai", após ressaltar que a equipe demonstrou coragem. 

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo