iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

14/06 - 15:04

Com gol de Villa, Espanha vence Suécia no fim e se classifica
A Espanha garantiu neste sábado sua vaga antecipada para as quartas-de-final da Eurocopa. Graças a um gol do artilheiro David Villa no final da partida, os comandados de Luis Aragonés venceram a Suécia por 2 a 1, chegaram aos seis pontos em duas rodadas e se classificaram entre as oito melhores seleções do Velho Continente.

Gazeta Esportiva

Para os suecos, o resultado nem pode ser considerado uma tragédia, já que a Espanha pressionou durante boa parte do jogo. No primeiro tempo, os ibéricos ainda levaram algum sufoco, permitindo que os comandados de Lars Lagerback mantivessem a paridade. No segundo, porém, os espanhóis dominaram e quase não conseguiram passar pela boa defesa rival, que só vacilou nos acréscimos.

A derrota, porém, pode complicar os escandinavos na briga por sua vaga nas quartas. Derrotada no último lance, a Suécia se manteve com três pontos, e pode ser ainda alcançada por Grécia ou Rússia – que se enfrentam ainda neste sábado. Por isso, os suecos precisam torcer por um empate, para manterem a tranqüilidade na próxima rodada da chave.

Espanhóis e suecos precisavam do resultado, e trataram de fazer um jogo equilibrado nos primeiros minutos. A Espanha, porém, criou primeiro as melhores chances com Iniesta e Fernando Torres – foi o atacante do Liverpool, por sinal, quem abriu o placar aos 14 minutos, após cobrança ensaiada de escanteio. David Villa recebeu na esquerda e cruzou; Torres se esticou na área e desviou com o pé, abrindo o placar.

Os suecos, porém, reagiram logo. Primeiro, com Elmander, que bateu na rede do lado de fora do gol aos 17 minutos. Depois, com o veterano Larsson, que recebeu cruzamento de Ibrahimovic na esquerda e girou bonito em cima de Sérgio Ramos, mas mandando por cima. Os comandados de Lars Lagerback ainda tiveram três boas oportunidades, mas a Espanha conseguia se segurar na defesa.

Isso, claro, até os 34 minutos, quando o próprio Ibrahimovic tratou de empatar o jogo. Após cruzamento de Stoor pela direita, o camisa dez recebeu na área, girou também em cima de Sérgio Ramos e bateu para o gol – Casillas desviou, mas não evitou que a bola entrasse. A Espanha tentou responder com chances de David Villa, aos 38 e aos 45, mas tiveram que se contentar com o empate no primeiro tempo.

Após o intervalo, a Espanha valeu-se da saída do autor do gol sueco e tomou conta da partida. No entanto, as primeiras boas chances só foram aparecer mesmo 17 minutos, em seqüência de chutes de David Villa, David Silva e Fernando Torres – todas no mesmo lance, e parando nas mãos do goleiro Isaksson ou na defesa sueca. Cinco minutos depois, Marcos Senna arriscou de longe, mas também parou em Isaksson.

Nos minutos finais da partida, os espanhóis perderam força no ataque, e ficaram restritos a uma tentativa de cabeça de Marcos Senna. Porém, quando o jogo já se caminhava para o final, o herói David Villa recebeu cruzamento em profundidade pela esquerda, entrou na área, tirou de Hansson e tocou na saída de Isaksson, decretando a classificação e isolando-se na artilharia da Euro com quatro gols.

Com a vitória, a Espanha apenas cumpre tabela na próxima quarta-feira, quando enfrenta a atual campeã Grécia em Salzburg, às 15h45 (horário de Brasília). No entanto, deve tentar pelo menos o empate, de forma a assegurar o primeiro lugar da chave. Ao mesmo tempo, mas em Innsbruck, os suecos tentam se classificar em partida contra a Rússia.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo