iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

14/06 - 18:14

Bahia e Paraná ficam no empate sem gols
Ainda não foi desta vez que o Paraná Clube conseguiu sua primeira vitória na Série B do Campeonato Brasileiro. O time foi a Feira de Santana enfrentar o Bahia e saiu de campo com um empate sem gols.

Gazeta Esportiva

Com o resultado, a equipe continua na zona de rebaixamento, mas sobe uma posição e deixa a lanterna da competição.

Empurrado pelo torcedor, o time da casa começou pressionando e, logo no primeiro minuto, Adilson aproveitou falha da zaga para tocar na área e obrigar Gabriel a fazer defesa em dois tempos. Mas logo a partida ficou truncada no meio-campo, com muita marcação. Aos seis minutos, cruzamento de Everton e, no meio da confusão, os jogadores paranistas reclamaram de toque de mão. O jogo seguiu.

Mas a situação da bola melhorou, e o Paraná conseguiu equilibrar as ações. Aos 12 minutos, depois de cruzamento na área, Joelson desviou de cabeça e a bola passou com perigo, à direita da meta. Aos 15, Giuliano achou espaço e arriscou de longe para boa defesa de Darci. Os baianos tentaram responder aos 21 minutos, com um cruzamento fechado de Elias, que passou por cima da meta.

O que sobrava de determinação, faltava em técnica para os dois times, deixando o jogo brigado, mas com muitos erros. Aos 26 minutos, Elias cobrou falta fraca da intermediária, sem criar problemas para Gabriel. Aos 35 minutos, foi a vez do Bahia pedir pênalti após Galvão cair na área, sem nada ser marcado. Aos 42 minutos, linda jogada individual de Ricardo Ehle, mas a zaga estava ligada para afastar.

Na segunda etapa, as equipes voltaram sem alterações, mas com uma nova disposição. Aos três minutos, Bruno Cazarini abriu espaço na zaga e chutou com perigo, à direita da meta. A resposta veio aos cinco minutos, com cobrança de falta de Thyago Fernandes, que bateu na rede pelo lado de fora. Grande chance para os paranaenses aos nove minutos: depois de jogada e Everton, a bola sobrou para Joelson, que perdeu o gol nas mãos de Darci.

Vendo o jogo mais aberto, os dois treinadores mexeram nas equipes buscando a vitória, já que o resultado era ruim para ambos. Aos 16 minutos, depois de cruzamento de Luciano Baiano, Bruno Cazarini apareceu na área para cabecear e obrigar Gabriel a fazer grande defesa. Sem conseguir entrar na zaga baiana, Gilson arriscou de fora da área aos 25 minutos, mas errou a mira.

O jogo se encaminhava para seu final e o empate já provocava reclamações das duas torcidas. Aos 28 minutos, Gilberto recebeu na entrada da área e bateu prensado, pela linha de fundo. Aos 33 minutos, foi a vez de Rivaldo arriscar o chute e o goleiro paranista desviou para escanteio. Aos 36 minutos, Bruno Cazarini cabeceou e a zaga tirou em cima da linha. Aos 47 minutos, Gilberto tentou puxar o ataque, mas foi travado e confirmou o 0 a 0.

Na próxima rodada, o Bahia vai à Fortaleza, onde enfrenta o Ceará, terça-feira, no Estádio Castelão. A equipe baiana chegou a oito pontos e continua na zona intermediária, tentando alcançar os líderes, mas com a ZR próxima. Já o Paraná Clube recebe o ABC, sexta-feira, na Vila Capanema, novamente em busca da primeira vitória.

 

FICHA TÉCNICA
BAHIA 0 x 0 PARANÁ

Local: Estádio Jóia da Princesa, em Feira de Santana (BA)
Data: 14 de junho de 2008, sábado
Horário: 16h10 (horário de Brasília)
Árbitro: Marco Antônio da Silva Sampaio (CE)
Assistentes: Pedro Jorge Santos
de Araujo (AL) e Arnaldo Rodrigues De Souza (CE)
Cartões amarelos: Ananias, Alisson (BAH); Thyago Fernandes, Luciano (PAR)

BAHIA: Darci, Luciano Baiano, Padovani, Rogério e Adílson; Fausto (Alisson), Emerson (Rivaldo), Ananias e Elias (Gilberto); Bruno Cazarine e Galvão
Técnico: Arthurzinho

PARANÁ: Gabriel; Ricardo Ehle, Ciro e Luciano; Claudemir, Diego, Vagner, Giuliano, Everton (Clênio) e Thyago Fernandes (Rogerinho); Joélson (Gilson)
Técnico: Rogério Perro


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo