iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

12/06 - 11:25

Torcida pressiona, mas Lusa garante permanência de Christian
O mau relacionamento entre Christian e a torcida da Portuguesa teve mais um capítulo nesse domingo.

Gazeta Esportiva

No primeiro tempo do duelo contra o Internacional, quando o Canindé assistia à derrota parcial lusitana por 1 a 0, o camisa 9, vaiado, acertou um chute no travessão e fez gesto como se quisesse ouvir mais protestos.

Foi substituído no intervalo. Mas fica no clube.
Na ocasião, o técnico Vágner Benazzi explicou que a saída do artilheiro rubro-verde na temporada (fez sete gols) foi um pedido do próprio jogador. Quem entrou em seu lugar foi o estreante Washington, que fez o gol de empate e sofreu o pênalti que definiu a vitória por 3 a 1.

Misterioso, o treinador não dá dicas sobre quem será o centroavante titular da equipe na partida deste sábado, contra o Atlético-PR, novamente no Canindé. Porém, Christian, mesmo sem marcar há mais de um mês, tem grandes chances de ser mantido. O goleador já havia sido alvo da torcida da Lusa, mas seguiu no time.

Após o episódio de domingo, Christian prefere não se pronunciar e por isso não se sabe o nível de sua insatisfação. Mas a Portuguesa, por sua vez, se antecipa e avisa que o atleta,á sondado pelo Corinthians nestes seis meses em que está no Canindé, não recebeu outras propostas e fica no clube até o final de seu contrato, em dezembro.

E a permanência do ex-colorado é comemorada no grupo. Sempre que perguntados, tanto Benazzi quanto o elenco elogiam o goleador luso de 2008. “O caso do Christian foi um equívoco. Mas ele é um jogador muito importante para nós. É um centroavante que poucas equipes tem”, enalteceu Patrício à GE.Net.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo