iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

12/06 - 11:25

Suíços choram queda precoce em casa
A Suíça decepcionou diante de sua torcida e foi eliminada antecipadamente da Eurocopa 2008 com a derrota de virada por 2 a 1 para a Turquia, nesta quarta-feira, em Basiléia.

Gazeta Esportiva

Após o revés, que mantém a equipe sem nenhum ponto, na lanterna do grupo A, os jogadores helvéticos admitiram estar desiludidos.

“É difícil encontrar as palavras corretas para exprimir a nossa terrível decepção. Jogamos bem, muito melhor do que contra os tchecos. O tempo teve influência, pois com esta chuva, o jogo durante a primeira parte foi uma loteria. Ganhou quem teve mais sorte', comentou Hakan Yakin, autor do único gol dos anfitriões no revés contra os turcos.

A melancolia pela queda precoce na Euro ganhou as páginas dos jornais suíços nesta quinta-feira. “Turquia acaba com o sonho dos suíços'', escreveu o Tribune de Geneve, seguido pelo diário Le Temps: 'Sob um gramado encharcado, Turquia crucifica a Suíça”, diz a publicação na manchete.

Apesar do clima de fim de festa, o técnico Jacob Kuhn crê que os suíços continuarão prestigiando o evento, mesmo com a eliminação. A Euro, aliás, marca a despedida do comandante, que dará lugar ao alemão Ottmar Hitzfeld, ex-Bayern de Munique, após o torneio.

“A Suíça é um país multicultural, pois temos aqui muitos alemães, portugueses, franceses e italianos. Vai continuar a ser uma festa maravilhosa e tenho a certeza de que os suíços também se vão juntar às comemorações e eles merecem. Estou muito desiludido, mas a vida continua'', concluiu Kuhn.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo