iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

12/06 - 13:51

Jogadores de Espanha e Suécia trocam elogios antes de duelo da Eurocopa
Espanha e Suécia se enfrentarão no sábado no estádio Tivoli Neu de Innsbruck, pelo grupo D da Eurocopa, e a troca de elogios entre jogadores das duas equipes vem marcando os dias anteriores ao duelo.

EFE

NEUSTIFT (Áustria) - O lateral-esquerdo espanhol Joan Capdevila qualificou a Suécia como rival mais complicado do grupo.

"Suécia é o adversário mais complicado dos três que temos no grupo. Não vai ser nada fácil ganhar deles, que têm um ataque muito forte. Teremos que manter Ibrahimovic o mais longe possível da nossa área", disse.

O jogador reconheceu que a equipe ainda não analisou os vídeos do adversário de domingo.

"Ainda não falamos da Suécia e não vimos seu vídeo, mas os conhecemos das Eliminatórias", afirmou Capdevila, para quem a ausência do meia Christian Wilhelmsson, lesionado, não será problema para os suecos.

"A ausência de Wilhelmsson, um jogador rápido e potente, poderá ser suprida com outro que jogará com vontade", explicou.

Pelo lado da Suécia, o zagueiro Mikael Nilsson disse à Agência Efe que a Espanha possui uma equipe forte, com jogadores de alto nível.

"A Espanha tem uma grande equipe. Tem um jogador de alto nível em cada posição. Agora é David Villa que se destaca, com os três gols que marcou no outro dia. E Fernando Torres fez uma grande temporada", disse.

No entanto, o zagueiro do Panathinaikos disse que não é impossível vencer os espanhóis.

"Acho que se jogarmos como sabemos, poderemos ganhar da Espanha.

Certamente eles são favoritos e têm o melhor time no papel", afirmou.

Já o zagueiro Olof Mellberg fez comentários sobre a declaração feita pelo técnico sueco Lars Lagerback, que gostaria que qualquer um dos jogadores da Espanha possuísse passaporte sueco.

"A Espanha é um país maior que a Suécia e tem mais jogadores. Nós precisamos que todos no nosso time estejam bem, não podemos pensar em ter algum dos espanhóis em nossa equipe", disse o zagueiro à Agência Efe.

Sobre o fato de Villa ter mais gols que o atacante sueco Zlatan Ibrahimovic, que marcou apenas uma vez, Mellberg afirmou que isso "é uma questão de tempo. Mas esperamos que isto mude no sábado".

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo