iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

10/06 - 21:45

Com coração santista, Betão prevê dificuldade para ex-clube
O Corinthians vive seu melhor momento desde a saída do zagueiro Betão, que jogou 14 anos pelo clube de Parque São Jorge. Já identificado com o Santos, o atleta não arrisca palpites para a final da Copa do Brasil, entre sua ex-equipe e o Sport, quarta-feira, na Ilha do Retiro.

Gazeta Esportiva

“Não faço previsões para esse jogo. O Corinthians conquistou uma boa vantagem [venceu por 3 a 1 no Morumbi], mas o Sport é bem forte dentro da Ilha do Retiro. Será muito difícil. Não dá para prever nada”, comentou Betão.

O zagueiro garante que esqueceu seu lado torcedor do Corinthians. Até Pelé, ídolo maior dos santistas, colabora com Betão, ao qualificá-lo como um dos destaques do time atual do Santos. “Agradeço ao Pelé por tudo que ele fez por mim no clube. É uma pessoa que conhece o coração dos jogadores e pode analisar isso. Ele viu meu desejo de vencer aqui”, disse o ex-corintiano.

Por seu passado, Betão precisou superar a desconfiança dos santistas em seus primeiros meses no clube. O nome do jogador era constantemente pichado nos muros do CT Rei Pelé, em atos de protesto.

Nesta segunda-feira, o zagueiro pôde cumprimentar Pelé e a agradecê-lo pelo apoio junto aos torcedores. “É difícil ter uma conquista profissional igual a essa, abraçar e ser elogiado pelo Pelé. A gente fica até sem palavras perto dele. Apertar as mãos, então, é muito bom”, afirmou Betão, que tirou diversas fotos ao lado do ídolo.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo