iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

07/06 - 15:09

Cech brilha e República Tcheca abre Euro com vitória
Com o resultado, a República Tcheca lidera o Grupo A (que conta ainda com Portugal e Turquia) da competição com três pontos, enquanto a Suíça amarga a lanterna

Gazeta Esportiva

BASEL (Suiça) - Com uma grande atuação do goleiro Peter Cech, a República Tcheca abriu a Eurcopa 2008 com uma vitória por 1 a 0 sobre a Suíça. Apesar do domínio do jogo pelos donos da casa, os tchecos tiveram mais competência para marcar e conquistaram a primeira vitória na competição.

Com o resultado, a República Tcheca lidera o Grupo A (que conta ainda com Portugal e Turquia) da competição com três pontos, enquanto a Suíça amarga a lanterna, além da possibilidade de ter perdido seu principal jogador, o atacante Frei, lesionado, para o resto da Eurocopa.

A República Tcheca volta a campo na próxima quarta-feira para enfrentar Portugal, enquanto a Suíça tenta a reabilitação diante da Turquia no mesmo dia.

O jogo: No jogo deste sábado, a Suíça surpreendeu, buscou o ataque durante todo o tempo e só parou nas defesas de Cech. Contudo. mesmo sem um bom futebol, a Turquia, com um gol de Sverkos, chegou ao triunfo.

Apoiada pela sua torcida a Suíça iniciou a partida pressionando a República Tcheca. Tanto que logo aos dois minutos teve início o duelo que marcaria todo o primeiro tempo: de um lado o atacante suíço Frei, de outro o goleiro tcheco Peter Cech. Após uma bobeada da zaga adversária, Frei roubou a bola e arriscou um chute de longe, que passou perto do gol de Cech.

O time da casa, ao contrário do que se esperava, buscava o ataque a todo momento, principalmente com os cruzamentos pela direita de Valon Behrami.

Contudo, foi a República Tcheca que assustou aos 13 minutos com um cruzamento de Jarolim, que foi direto para o gol e quase surpreendeu o goleiro suíço.

Apesar do susto, a Suíça continuou no ataque e Inler chutou para nova boa defesa de Cech aos 18 minutos. Dois minutos depois, o goleiro iria realizar outra grande defesa em chute de longe de Frei.

Quando parecia que a República Tcheca tinha sufocado a pressão do time da casa, Frei foi lançado e, na cara do gol, tocou na saída de Cech, que mostrou porque é um dos melhores goleiros do mundo, e fez nova defesa.

Contudo, o duelo entre Cech e Frei não continuaria no segundo tempo, já que no final da etapa inicial, o atacante levou uma entrada dura no joelho e deixou campo chorando muito. E a lesão, aliás, ameaça a participação do suíço na Eurocopa, já que o atleta precisou de muletas para se locomover até o banco de reservas após a volta do intervalo.

Apesar da saída do seu principal jogador no primeiro tempo, a Suíça continuou pressionando o selecionado tcheco na etapa final. Logo aos três minutos, Magnin cabeceou e Cech fez a defesa. Um minutos depois, Yakin, substituto de Frei, bateu falta e a bola passou muito perto do gol dos adversários.

A República Tcheca só assustou aos 14 minutos, quando, após cobrança de falta de Jankulovski, a bola passou por toda área suíça, mas Sionko não conseguiu completar para o gol. Cinco minutos depois, novamente Jankulovski cobrou bem uma falta, levando perigo ao gol suíço.

A Suíça respondeu e teve uma grande chance com Yakin, que cabeceou no canto de Cech, que por pouco não foi vencido.

Apesar do domínio suíço, que passava mais tempo no ataque e teve mais chances de abrir o placar, foi a República Tcheca que marcou o primeiro gol da Eurocopa 2008.

Aos 25 minutos, após confusão na saída de bola suíça, Sverkos foi lançado e fazer 1 a 0 para a República Tcheca.

Apesar do gol, a Suíça não se abalou e quase empatou aos 34 minutos em um lance espetacular. Cech fez grande defesa em chute de Barnetta e, no rebote, Behrami chutou na trave. Na jogada, os suíços reclamaram de um toque n amão da zaga tcheca, mas o árbitro nada marcou.

Apesar da pressão sofrida, a República Tcheca se segurou na defesa e garantiu sua primeira vitória na Eurocopa 2008, para a decepção dos torcedores suíços, que lotavam o estádio.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo