iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

06/06 - 15:02, atualizada às 16:52 06/06

Nelsinho e Carlinhos Bala garantem boa recepção ao Verdão
A semana foi de muitas explicações do Sport sobre a segurança na Ilha do Retiro. A confusão nos Aflitos, estádio do rival Náutico, com as prisões do zagueiro botafoguense André Luís e do presidente Bebeto de Freitas acendeu um sinal de alerta no Palmeiras em relação ao jogo contra os rubro-negros no domingo, no Recife.

Gazeta Esportiva

Os pernambucanos, contudo, garantem que os paulistas não encontrarão um ambiente hostil.

“O problema foi nos Aflitos. Não terá nada na Ilha do Retiro. O Palmeiras pode ir jogar lá sem problemas”, assegurou o técnico Nelsinho Baptista, que preferiu não rebater diretamente às criticas palmeirenses – principalmente de Wanderley Luxemburgo – em relação ao duelo na Copa do Brasil.

“Todos os jogos do Sport foram transmitidos para todo o Brasil. É só pegar a fita para ver que não teve problema”, desafiou o treinador, irritado com a insistência no assunto inclusive sobre a decisão da Copa do Brasil contra o Corinthians, na próxima quarta-feira.

Enquanto seu comandante dá garantias de tranqüilidade em Pernambuco no final de semana, Carlinhos Bala endossa o coro de que o ocorrido nos Aflitos nada tem a ver com o Leão. Mas pede atitude mais pacífica dos seus colegas, tanto do Sport quanto do Verdão.

“(O problema nos Aflitos) Não influencia em nada. Nem a diretoria do Sport nem ninguém querem violência. Nós, que somos os artistas da bola, temos de dar o bom exemplo dentro de campo”, pregou o atacante, lamentando o que aconteceu na arena rival. “O jogo não é uma guerra. E nesse episódio ficou uma imagem suja do nosso estado”.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo