iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

06/06 - 11:02, atualizada às 14:38 06/06

Agradeço a Deus por ter Messi e Agüero, diz Basile
Enquanto a seleção brasileira chora novamente a ausência de Kaká e a queda de produção de Ronaldinho Gaúcho, o técnico da Argentina, Alfio Basile, conta com a boa fase de Lionel Messi e Segio Agüero, as duas estrelas que vêm formando o ataque da equipe. “Messi e Agüero são dois meninos de 20 anos, com condições tremendas e que não têm limite.

Gazeta Esportiva

São diferentes, pois em qualquer momento inventam algo. Graças a Deus os tenho em minha equipe e não os outros'', comemorou o treinador.

''Tento colocá-los juntos, por isso arriscamos muito, pois perdemos poder de marcação. Entretanto, a equipe se sacrifica mais, porque os jogadores sabem que quando eles pegam a bola algo vai acontecer'', explicou.

O forte ataque argentino conta ainda com Carlos Tevez. O ex-corintiano, porém, foi poupado da próxima rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo, já que cumpriria suspensão diante do Equador, no dia 15 de junho, e só estaria à disposição para encarar o Brasil, três dias depois, no Mineirão.

“Carlitos precisava descansar e também está suspenso, mas quando estiver conosco creio que os três podem chegar a jogar juntos'', analisou Basile, revelando o plano de mandar Tevez a campo novamente ao lado de Agüero e Messi no comando da ofensiva de sua seleção.

A Argentina segue se preparando para a próxima rodada do qualificatório. Nesta quarta-feira, em San Diego, a equipe goleou o México por 4 a 1 (Messi e Agüero marcaram um gol cada). No próximo domingo, em Nova Jersey, o time faz novo amistoso, contra os Estados Unidos.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo