Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Diretor corintiano nega propostas para contratar Ronaldinho

Roberto de Andrade, diretor de futebol, reitera que clube não fez e não fará propostas ao Gaúcho

Bruno Winckler, enviado iG a Itu |

O diretor de futebol do Corinthians, Roberto de Andrade, negou durante entrevista coletiva nesta quinta-feira que o clube faça alguma proposta por Ronaldinho, liberado pelo Milan para negociar com clubes brasileiros.

“De forma nenhuma (vamos atrás do Ronaldinho). Foi até bom o Assis dizer que não falou com ninguém do Corinthians. Não estamos participando deste suposto leilão. Não vale a pena entrar nessa briga toda. O negócio está partindo para valores bem acima do que o Corinthians pode pagar”, disse Andrade, que ironizou a declaração de Andrés Sanchez, dada na quarta-feira, de que teria R$ 1,8 milhões para bancar os salários do jogador.

“O Andrés falou isso, mas não sei qual é essa ginástica financeira que ele pretende fazer. Preciso falar com ele sobre isso”, disse, evitando polêmicas.

Nesta quinta-feira Assis disse no Rio de Janeiro que conversou apenas com Grêmio, Flamengo e Palmeiras, mas disse que "ainda", não falou com o Corinthians. "Não pretendemos conversar com ele sobre o Ronaldinho, eu reitero", disse Andrade. "Não sei de onde o (Adriano) Galliani tirou que o Corinthians está interessado", disse, se lembrando de declaração recente do diretor do Milan que colocou o Corinthians como possível destino de Ronaldinho. "Não fechei com o Ronaldinho, mas contratei o Kaká e o Cristiano Ronaldo", disse Andrés, por meio de sua assessoria, em tom irônico.

Se os diretores corintianos negam acordo com Ronaldinho, há no clube quem ainda acredite em Ronaldinho no Corinthians: Ronaldo, o "Fenômeno". O atacante corintiano apimentou essa novela por meio do seu twitter. "Imaginem os dois Ronaldos jogando juntos novamente", escreveu.

Leia tudo sobre: corinthiansronaldinho gaúchofutebol

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG