Mavericks venceu o time de Wade, Bosh e LeBron pela segunda vez e encerrou ótima sequência do Heat

Dallas Mavericks foi a Flórida enfrentar o Miami Heat, que havia vencido os seus últimos 12 jogos e conseguiu o que para muitas equipes parecia impossível, derrotou os donos da casa por 98 a 96.

Nowitzki passa por Bosh no fim da série de vitórias do Heat
AP
Nowitzki passa por Bosh no fim da série de vitórias do Heat
Dirk Nowitzki foi o cestinha do Dallas no jogo com 26 pontos. O ala-pivô ainda apanhou nove rebotes. No entanto, o nome da vitória foi Jason Terry. O ala-armador saiu do banco e acertou chutes de três decisivos no final da partida. Terry terminou o jogo com 19 pontos.

Pelo Heat, Dwyane Wade anotou 22 pontos e deu sete assistências. LeBron James e Chris Bosh fizeram 19 pontos cada. James ainda pegou dez rebotes e serviu sete vezes para a cesta. Bosh anotou oito rebotes e acertou oito dos seus 15 arremessos (53,3% de aproveitamento). O destaque negativo do Miami foi Carlos Arroyo. O armador jogou 18 minutos e cometeu três erros, que resultaram na perda da posse de bola. Ele não anotou nenhum ponto e contribuiu apenas com uma assistência.

Essa derrota acabou com a série invicta de 12 jogos do Miami. Este é o mesmo número de partidas que o Mavericks ficou sem perder, até ser derrotado pelo Milwaukee Bucks dia 13 de dezembro. A equipe perdeu apenas uma vez nos últimos 15 duelos e já havia vencido o Heat em novembro por 106 a 95, exatamente a última derrota da equipe da Flórida.

O começo do jogo foi melhor para os visitantes. Com cestas de Nowitzki, Caron Butler e Jason Kidd o Dallas abriu 12 pontos de vantagem. A equipe manteve a diferença até os dois minutos finais do quarto quando vencia por 23 a 12. Wade liderou uma grande reação dos anfitriões com oito no último minuto do quarto, que acabou com a vitória parcial do Mavericks: 23 a 22.

A reação Heat continuou no segundo período, que inverteu a vantagem colocando o Miami na frente por 44 a 42 antes do intervalo. Apesar do bom resultado antes de ir para os vestiários, o Dallas começou melhor a segunda metade do jogo e chegou a abrir seis pontos de vantagem. No entanto, os texanos não seguraram James e Wade e deixaram os mandantes assumirem a liderança no placar por três pontos: 68 a 65.

No último quarto Terry apareceu para recolocar os visitantes na frente. Ele acertou as duas tentativas para três que fez no período. A primeira quando a equipe perdia por um ponto: 70 a 69. A pequena vantagem conseguida com o arremesso do ala-armador foi mantida até o fim do confronto.

No minuto final a diferença era de apenas um ponto quando Terry acertou mais um chute para três e ainda converteu dois lances livres e confirmou o fim da série invicta do Heat.

    Leia tudo sobre: NBA
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.