O Parreira tinha razo...