Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Clube inglês concorre com Grêmio por Ronaldinho Gaúcho

Manchester City irá oferecer proposta de compra do jogador ao Milan em janeiro

Hector Werlang, iG Porto Alegre |

Além de convencer o Milan a liberar Ronaldinho Gaúcho, o Grêmio terá de uma concorrência de peso para contratar o craque brasileiro. O inglês Manchester City, um dos clubes mais ricos do mundo, apresentará uma proposta de compra ao clube italiano em janeiro.

Só no período da janela de transferências para a temporada 2011 o City gastou 76 milhões de libras (R$ 200 milhões). O poder de investimento vem da fortuna no xeque Mansour bin Zayed Al, dono de 90% do petróleo dos Emirados Árabes Unidos, avaliada em US$ 31,8 bilhões (R$ 52 bilhões) pela revista Four Four Two.

De acordo com reportagem do site inglês Caught Offside, a contratação de Ronaldinho foi solicitada pelo técnico Roberto Mancini. Apesar de admitir o mau momento do meia, que é reserva no Milan, o treinador italiano tem certeza que o brasileiro irá recuperar o seu futebol no City.

A reportagem não fala em valores do provável negócio. O contrato de Ronaldinho, que chegou na noite deste domingo a Porto Alegre, com o Milan termina no dia 30 de junho de 2011. A partir de 1º de janeiro, o jogador pode assinar um pré-contrato com qualquer outro clube.

O presidente do Grêmio, Paulo Odone não teme a concorrência – o Palmeiras, a pedido do técnico Luiz Felipe Scolari, também tem interesse em repatriar o atleta.

“Ele quer voltar ao Brasil. Aqui, vem para o Grêmio. Nós estamos preparados”, disse o dirigente.

A ideia de contratar Ronaldinho surgiu em outubro, após a eleição de Odone. O projeto consiste em reunir um grupo de empresas que bancaria a contratação. Estima-se que a contratação dele custe R$ 20 milhões.

Leia tudo sobre: GrêmioRonaldinho GaúchoMilanManchester City

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG