Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Yao Ming considera encerrar carreira por causa do tornozelo

Pivô chinês, que tem contrato com o Houston Rockets até o fim de junho, só participou de cinco jogos da última temporada da NBA

Gazeta |

O pivô chinês Yao Ming, de 2,28m de altura, considera encerrar sua carreira nos próximos meses caso não consiga se recuperar completamente de uma fratura no tornozelo, sofrida em novembro . Aos 30 anos, ele está no Houston Rockets desde 2002.

O médico Kenneth Foster afirmou que Yao Ming tem apenas 30% de força na perna, mas o pivô diz que precisa de pelo menos 80% para jogar.

"Tudo depende do meu tornozelo", contou ao portal de notícias chinês "Tiyu Pindao". "Se conseguir me recuperar, então vou parar em dois anos. Caso contrário, o farei neste verão (entre junho e agosto)".

Seu contrato de cinco anos com o time texano lhe rendeu U$ 76 milhões e termina em 30 de junho. Ele foi escolhido sete vezes para o "All Star Game". "Eu passei 10 anos da minha vida vivendo e jogando em Houston", lembrou. "Isso faz com que seja difícil dizer adeus".

Nunca tendo conquistado um anel de campeão da liga, Yao não vê a conquista como prioridade neste momento da carreira. "Eu gostaria que minha filha (recém-nascida) pudesse me ver jogando, não apenas os melhores momentos pelos vídeos", lamentou. "Um título não é tão importante assim. Meu principal objetivo é cuidar da minha família e continuar minhas atividades comunitárias".

Desde que machucou exatamente o pé esquerdo contra o Los Angeles Lakers em 2009, Yao Ming não conseguiu voltar à boa forma. Na última temporada, atuou apenas cinco vezes.

Leia tudo sobre: NBAHouston RocketsYao Ming

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG