Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Wade pede ajuda de companheiros e recusa decidir sozinho

Jogador do Miami Heat confia em participação mais efetiva do elenco na partida contra o Dallas Mavericks neste domingo

iG São Paulo |

Getty Images
Wade faz jogada para o Miami
Dwyane Wade quer a divisão de responsabilidades no Miami Heat. O jogador tem sido o principal nome da franquia da Flórida na decisão da temporada da NBA. Contudo, o craque afirmou que não sente a necessidade de carregar o time nas costas e ser decisivo na partida deste domingo contra o Dallas Mavericks.

Miami e Dallas entram em quadra às 21h de Brasília. Jogando em casa, o time da Flórida precisa vencer para se manter vivo na briga pelo bicampeonato. Em desvantagem de 3 a 2 na série melhor de sete jogos, o Heat será vice campeão se for suparado pelo Mavericks.

Wade já esteve em situação semelhante. Na final de 2006, o Miami perdeu os dois primeiros jogos da final contra o Dallas. No entanto, o astro brilhou com grandes atuações para comandar a virada que garantiu o único título da história do Heat.

"Não sinto necessidade de colocar o time nas costas", disse Wade em entrevista ao jornal norte-americano "Miami Herald". "Agora não é o caso. Não tem sido assim durante toda a temporada e não vai mudar agora".

Wade teve média de 33 pontos por jogo naquela série. Contudo, na arrancada de quatro vitórias seguidas, o craque teve desempenho de 39,2. Em nenhuma das quatro partidas ele fez menos do que 36 pontos. O rendimento garantiu o prêmio de MVP (melhor jogador) das finais.

Wade se mostrou confiante no desempenho dos companheiros para a partida deste domingo. Para o astro, "o Miami tem muitos caras diferentes e todos eles tem a capacidade de decidir no final".

Responsável por dividir com Wade as atenções das defesas rivais, LeBron James está abaixo de sua média nos playoffs. O jogador não conseguiu repetir as boas atuações das séries anteriores contra Philadelphia 76ers, Boston Celtics e Chicago Bulls. O companheiro de Dwyane chegou até a decisão com média 26,0 pontos, mas registrou apenas 17,2 nos cinco confrontos contra o Dallas.

"Obviamente nós queremos que ele fique mais agressivo", disse Wade sobre o companheiro. "Mas quando ele está sendo observado por dois ou três caras, ele não vai forçar tiros. Todos querem que ele marque 40 pontos, mas nós temos que dar crédito ao Dallas".
 

Leia tudo sobre: LeBron JamesMiami HeatDallas MavericksDwyane Wade

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG