Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Virose atrapalha e Orlando cai diante do Milwaukee Bucks

Com atletas afastados, time de Orlando foi para o jogo com apenas três jogadores no banco de reservas

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237854599917&_c_=MiGComponente_C

A virose que afastou quatro jogadores acabou com o bom momento do Orlando Magic. Sem os titulares Dwight Howard e Jameer Nelson, a equipe da Flórida caiu diante do Milwaukee Bucks por 96 a 85.

O Magic entrou em quadra com seis vitórias consecutivas e com a possibilidade de assumir a liderança da Conferência Leste em conjunto com o Boston Celtics, mas não conseguiu.

Com apenas três jogadores no banco de reservas, o Magic foi dominado pelo Bucks durante toda a partida. O revés foi o quinto do time da Flórida após 20 jogos. Já o time de Milwaukee se recuperou de dois tropeços nos últimos jogos e agora soma sete triunfos também com 20 partidas.

AP
Rashard Lewis do Orlando briga por posse de bola com Brandon Jennings

As baixas dos jogadores com virose foram fundamentais na definição do duelo, especialmente a de Howard. Sem o pivô do Magic em quadra, o australiano Andrew Bogut dominou o garrafão. Foram 18 rebotes para o jogador do Bucks que ainda colaborou com 31 pontos.

O jovem armador Brandon Jennings também teve atuação destacada pelo Bucks. Foram 27 pontos e sete assistências. Pelo lado do Magic, Vince Carter com 20 tentos foi o principal nome.

O jogo

Desfigurado, o Magic sofreu no começo da partida. Sem Howard e Nelson do quinteto titular, o time de Orlando foi dominado pelo Bucks. Melhor no ataque, a equipe de Milwaukee abriu oito pontos (16 a 8) já na metade do período inicial. A vantagem se estabeleceu até o final do período (24 a 16).

O time de Orlando reagiu e equilibrou as ações no segundo quarto. A equipe venceu a segunda parcial por 26 a 25. No entanto, a melhora do Magic não foi suficiente para incomodar a liderança do Bucks que foi para o intervalo em vantagem de sete pontos (49 a 42).

O terceiro período foi das defesas. Os ataques erraram muito e a partida seguiu equilibrada. Melhor para o Bucks, que com o empate em 20 pontos na terceira parcial, seguiu no comando do placar.

Sem Dwight Howard em quadra, o Magic sentiu dificuldade no garrafão. O Bucks dominou os rebotes, especialmente com Andrew Bogut. O pivô australiano pegou 18 rebotes, dez deles ofensivos.

Com apenas três reservas à disposição do treinador Stan Van Gundy, o Magic sentiu cansaço no final da partida. Os donos da casa passaram a aproveitar a posse de bola. Sem força, o Magic não conseguiu incomodar o time de Milwaukee.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG