Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Veterano Kurt Thomas comanda vitória do Chicago sobre Milwaukee

Pivô de 38 anos somou 22 pontos, nove rebotes e cinco assistências. Foi o grande responsável pelo resultado positivo dos mandantes

iG São Paulo |

O Chicago Bulls recebeu a visita do Milwaukee Bucks nesta segunda-feira e conquistou mais uma vitória na temporada. Venceu por 92 a 83 comandado por atuação surpreendente do veterano Kurt Thomas.

O pivô, que tem 38 anos e disputa sua 16ª temporada na NBA, acertou dez dos 16 arremessos que tentou e marcou 22 pontos. Foi sua maior pontuação desde o dia 25 de janeiro de 2005, quando ainda atuava pelo New York Knicks e fez 24 pontos contra o Phoenix Suns. Thomas ainda pegou nove rebotes e distribuiu cinco assistências na partida desta noite.

O armador Derrick Rose apareceu pelo Chicago com 21 pontos e dez assistências, apesar de ter errado 11 dos 16 tiros que disparou em direção à cesta. Já o ala-pivô Carlos Boozer contribuiu com 14 pontos e nove rebotes.

O Milwaukee teve o cestinha da partida: o ala-armador Chris Douglas-Roberts, que marcou 30 pontos. O armador Keyon Dooling registrou um “double-double”: 13 pontos e dez assistências. O pivô Andrew Bogut fez somente oito pontos, mas destacou-se ao apanhar 18 rebotes.

AP
Kurt Thomas faz arremesso durante vitória do Bulls. Pivô fez 22 pontos no jogo
O Chicago não demonstrou boa pontaria nesta partida: o aproveitamento nos arremessos da equipe foi de apenas 39,5%, contra 46,1% apresentado pelo Milwaukee. Em compensação, conseguiu forçar 13 desperdícios de posse de bola do adversário.

Apesar de o placar não apontar diferença muito elástica entre as duas equipes, o Bulls não teve grandes dificuldades para assegurar a vitória. O Bucks até começou melhor a partida, mas sofreu a virada ainda na reta final do primeiro período (19 a 18), após uma bandeja de Taj Gibson. A liderança não mudou mais de lado pelo decorrer da disputa.

A forte defesa do Chicago deu as caras no segundo quarto, limitando o rival a apenas 14 pontos. Do outro lado da quadra, as coisas fluíam com facilidade. E com uma cesta de Rose no estouro do cronômetro, os mandantes foram para o intervalo com vitória parcial de 48 a 32.

A superioridade do Bulls atingiu os 20 pontos (61 a 41) com sete minutos por jogar no terceiro quarto, após uma jogada de três pontos de Rose, que sofreu a falta no ato da cesta e converteu o lance livre em seguida.

Aos poucos, o Bucks voltou a se aproximar no marcador, sobretudo no último período. Chegou até a baixar a diferença para sete pontos com pouco menos de três minutos para o encerramento da partida, depois de Douglas-Roberts ter convertido um dos seus dois lances livres. Mas o Chicago respondeu logo de imediato, com duas cestas seguidas de Boozer, e não deixou o triunfo escapar.

Com mais este resultado positivo, o Bulls segue invicto na temporada em partidas contra os rivais da Divisão Central. São dez vitórias em dez jogos disputados.

Leia tudo sobre: Kurt ThomasCHicago Bullsmilwaukee bucksnba

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG