Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Utah consegue virada e derrota o Miami fora de casa no tempo-extra

Depois de perder por mais de 22 pontos, o Jazz conseguiu reagir na segunda metade e garantiu vitória no tempo-extra

Luís Araújo, iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237861631337&_c_=MiGComponente_C

O Utah Jazz conseguiu uma ótima virada sobre o Miami Heat. Atuando fora de casa, o time de Salt Lake City chegou a estar perdendo por 22 pontos de diferença. Mas conseguiu se recuperar e vencer na prorrogação por 116 a 114.

O principal personagem do confronto foi o ala-pivô Paul Millsap, que atingiu sua pontuação recorde ao anotar 46 pontos. Nunca nenhum outro jogador do Utah conseguiu anotar tantos pontos contra o Miami na história da NBA. Ele ainda ficou a um rebote de estabelecer um double-double.

Quem conseguiu atingir dois dígitos em dois fundamentos pelo Jazz foi o armador Deron Williams, responsável por 21 pontos e 14 assistências. Já Andrei Kirilenko apareceu com 16 pontos, nove rebotes e sete assistências.

AP
Deron Williams infiltra na defesa do Miami para anotar dois dos seus 21 pontos

Pela equipe da casa, Dwyane Wade teve 39 pontos e seis rebotes. LeBron James registrou o seu primeiro triple-double com a camisa do Miami: 20 pontos, 14 assistências e 11 rebotes. Chris Bosh, por sua vez, somou 17 pontos e nove rebotes.

O forte início de jogo do Miami deve-se ao ótimo desempenho da equipe na tábua defensiva. O time permitiu somente 32 pontos do Utah ao longo dos dois primeiros períodos de jogo. Como no ataque as coisas funcionaram bem, foi para os vestiários vencendo por 19 pontos (51 a 32).

O Jazz voltou para a segunda metade de forma completamente diferente. Se antes as bolas custavam a cair, os arremessos passaram a entrar com mais facilidade durante os dois últimos quartos. Dessa forma, o time conseguiu reagir e se aproximar no marcador.

Com quatro cestas de três pontos nos últimos 30 segundos de jogo, os visitantes ficaram a um ponto do empate. O Miami abriu mais um ponto de frente depois que Wade acertou um lance a três segundos do fim. Mas a última posse de bola sobrou para o Jazz, que conseguiu empatar o confronto em 104 pontos e mandá-lo para a prorrogação graças à cesta de Millsap no estouro do cronômetro.

Dois lances livres certeiros de Andrei Kirilenko deram três pontos de vantagem ao Utah (114 a 111) com 20 segundos restantes no tempo extra. Mas Wade acertou um tiro de longa distância logo em seguida e voltou a igualar o marcador.

O pivô reserva Francisco Elson sofreu uma falta com quatro décimos de segundo. Acertou os dois lances livres que arremessou e colocou os visitantes muito próximos da vitória. De forma desesperada, Eddie House ainda tentou um arremesso de três no fim, mas a bola não caiu.

O erro de House garantiu a quarta vitória em sete jogos do Utah. Já o Miami perdeu pela terceira vez em cinco partidas disputadas.

Leia tudo sobre: basquete - nba

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG