Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Utah bate Orlando e consegue a terceira vitória de virada seguida

Time de Salt Lake City chegou a ter 18 pontos de desvantagem, mas Deron Williams comandou a reação no final

Luís Araújo, iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237860103452&_c_=MiGComponente_C

O Utah Jazz venceu de virada pela terceira vez consecutiva. O time chegou a perder do Orlando por 18 pontos no terceiro quarto, mas conseguiu passar à frente no fim. Ganhou fora de casa por 104 a 94.

A equipe de Salt Lake City já havia virado o jogo diante dos seus dois últimos adversários, ambos no tempo-extra. No domingo (6), bateu em casa o Los Angeles Clippers por 109 a 107 depois de estar perdendo por 18 pontos. Na terça-feira (10), reverteu uma desvantagem de 22 pontos e passou pelo Miami Heat por 116 a 114 como visitante.

Deron Williams foi o grande responsável pela vitória do Utah. O armador marcou 30 pontos, sendo 17 deles no último quarto, e ainda distribuiu 14 assistências. Tais números o deixam com médias de 27 pontos e 11,7 assistências nos três últimos jogos.

AP
Deron Williams briga para manter a posse de bola contra Jameer Nelson 

O ala-pivô Paul Millsap teve mais uma boa atuação: registrou 23 pontos e cinco rebotes. Já Al Jefferson, seu companheiro de garrafão, teve 21 pontos e oito rebotes. A dupla conseguiu ainda limitar o pivô do Magic Dwight Howard a apenas 14 pontos e nove rebotes ¿ números abaixo da sua média.

Jameer Nelson retornou de uma lesão no tornozelo e foi o principal destaque do Orlando: 19 pontos, sete assistências e cinco rebotes. O ala Vince Carter, por sua vez, apareceu com 20 pontos.

O elevado número nos desperdícios de posse de bola comprometeram a atuação do Orlando: foram 21 ao longo do confronto, sete a mais do que os visitantes. Outro fator que prejudicou os planos da equipe foi o baixo aproveitamento da linha do lance livre: acertou apenas 14 dos 25 tiros.

As duas equipes fizeram uma partida bastante equilibrada nos minutos iniciais. O Orlando encerrou o primeiro quarto vencendo por 23 a 22, depois de uma cesta de três pontos de Carter no último segundo. Com uma forte defesa, limitou o Utah a apenas 13 pontos no período seguinte, levando liderança aos dez pontos (45 a 35) no intervalo.

O tiro de longa distância de Rashard Lewis com pouco menos de dois minutos por jogar no terceiro período deu ao Magic superioridade de 74 a 56 no placar. Mas o Jazz conseguiu engatar uma recuperação impressionante que lhe valeu a virada: anotou 24 dos 26 pontos seguintes do confronto e abriu 80 a 76 no marcador, restando sete minutos para o fim.

O Orlando ainda tentou retomar o comando da partida, mas não conseguiu parar o ótimo desempenho de Williams nos momentos decisivos. O armador anotou 11 pontos nos últimos cinco minutos e foi o grande responsável por levar o time de Salt Lake City à vitória.

Leia tudo sobre: basquete - nba

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG