Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Três jogos movimentam a rodada desta terça dos playoffs da NBA

Boston x New York, Orlando x Atlanta e Dallas x Portland são as partidas. Dos anfitriões, apenas o Magic perdeu em casa

iG São Paulo |

Três jogos movimentam a rodada desta terça-feira dos playoffs da NBA. Às 20h de Brasília o Boston Celtics recebe uma vez mais o New York Knicks, meia hora depois o Orlando Magic tenta se recuperar diante de sua torcida contra o Atlanta Hawks e finalmente às 22h30 o Dallas Mavericks encara uma vez o Portland Trail Blazers, em casa, esperando abrir 2 a 0 no confronto.

O Boston vence a série diante do New York por 1 a 0. Graças ao arremesso certeiro de Ray Allen, nos últimos segundos, que colocou o time da casa nos definitivos 87 a 85.

Como se vê, o New York vendeu caro a vitória ao Boston. E o time nova-iorquino deixou a quadra reclamando do trio de arbitragem, de uma falta de Carmelo Anthony em cima de Paul Pierce, que para muitos não existiu. No ataque seguinte Allen fez a cesta da vitória.

O grande problema do Knicks é Chauncey Billups. O armador lesionou-se na partida passada e passou a ser dúvida. Campeão da NBA e MVP das finais de 2004, Billups é uma das armas do New York. Sem ele o time perde muito não só em qualidade, mas em experiência também.

Shaquille O’Neal, o único jogador machucado do Boston, pode ser a novidade. Se puder jogar, sairá do banco.

O Orlando busca recuperar-se da derrota do primeiro jogo da série em plena Flórida. O Atlanta não se impressionou com a pressão da torcida adversária e venceu por 103 a 93.

Getty Images
Jason Kidd foi determinante no jogo 1
Aliás, dos cinco jogos já realizados entre ambos nesta temporada, o time da Geórgia venceu quatro. Perdeu apenas o primeiro; venceu os últimos quatro, dois deles no ginásio do Orlando.

No primeiro jogo destes playoffs, o técnico Larry Drew bolou a seguinte estratégia: subtrair os pontos dos jogadores que circundam o astro Dwight Howard. Mesmo tendo anotado 46 pontos e pegado 19 rebotes, Howard não conseguiu levar o Orlando à vitória.

Isso porque, à exceção de Jameer Nelson que marcou 27 pontos, os demais não conseguiram um duplo dígito na pontuação.

Espera-se a repetição da tática para o jogo desta terça-feira.

Finalmente no Texas, o Dallas quer contar uma vez mais com o apoio de seus torcedores para abrir 2 a 0 na série. E muito se espera uma vez mais de Jason Kidd.

Na partida passada ele anotou nada menos do que 24 pontos, três a mais do que qualquer outra partida que ele fez nesta temporada. Foi decisivo para a vitória de 89 a 81.

Embora tenha marcado 28 pontos, Dirk Nowitzki, a estrela do Mavs, teve um desempenho de 7-20 nos arremessos. Foi bem controlado por LaMarcus Aldridge nos três primeiros quartos. Mas um vacilo defensivo no último quarto e o alemão anotou 18 pontos.

Além de tentar controlar as duas estrelas texanas, o técnico Nate McMillan espera que a mão de seus jogadores esteja mais calibrada. O desempenho do time nas bolas de três no jogo 1 da série foi de pífios 2-16 e Gerald Wallace, um dos principais jogadores do time, fez apenas oito pontos, com uma performance de 4-13.

 

Leia tudo sobre: Ray AllenCarmelo AnthonyPaul PierceDwight HowardNBA

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG