Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Técnico de Limeira reclama do piso escorregadio em Vila Velha

Para Demétrius Ferracciú, não havia condições de jogo no confronto diante dos capixabas. Sua equipe foi derrotada por 82 a 56

iG São Paulo |

Limeira visitou Vila Velha nesta sexta-feira e foi facilmente batido pelo time local por 82 a 56. O norte-americano Maurice Riddick comandou a vitória dos capixabas: acertou 14 bolas de longa distância e marcou 46 pontos. Mas o técnico da equipe paulista, Demétrius Ferracciú, apontou um outro fator que contribuiu com a derrota dos seus comandados: a umidade na quadra.

“Não existia nenhuma condição de jogo porque a quadra estava escorregadia”, disse Demétrius após o jogo. “Não conseguíamos fazer uma defesa pressão, nem realizar algum tipo de jogo mais agressivo para reverter o placar porque nossos jogadores caíam na quadra”.

Em desvantagem durante o segundo tempo, os jogadores de Limeira abrirão mão da disputa na reta final da partida ao invés de tentarem uma recuperação no marcador. Tanto no ataque como na defesa, era nítido que os atletas estavam se poupando, preocupados em não se lesionarem.

Décimo lugar do NBB com campanha de nove vitórias e 11 derrotas, Limeira busca voltar a vencer no campeonato, depois de ter perdido seus dois últimos compromissos. O próximo jogo será neste domingo (27), contra o Vitória, último colocado da competição. O palco do confronto será o ginásio Tartarugão, o mesmo da derrota de sexta para o Vila Velha.

“Esperamos por uma quadra em condições normais de jogo no domingo, assim poderemos aplicar na partida nossas principais características de defesa”, afirmou o técnico. “Precisamos nos recuperar no NBB e uma vitória nesse próximo jogo seria muito importante. Por isso, vamos nos preparar para superar todas as dificuldades”.

Leia tudo sobre: limeiranbbvila velhademétrius ferracciú

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG