Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Sem grandes dificuldades, Magic administra vantagem e vence Bucks

Se poupando para os playoffs, Orlando faz o básico contra Milwaukee. No último segundo, New Jersey vence Timberwolves

iG São Paulo |

O Orlando Magic recebeu o Milwaukee Bucks na Flórida e, com um primeiro quarto arrasador, não teve dificuldades para vencer por 78 a 72. O Magic ainda tem chances matemáticas de subir à terceira posição da Conferência Leste, hoje do Boston Celtics. Já Milwaukee vê a oitava posição cada vez mais distante.

O pivô Dwight Howard, do Magic, foi o grande destaque, com 18 pontos e 17 rebotes. Jameer Nelson teve 17 pontos, enquanto Hedo Turkoglu registrou um "double-double", com 12 pontos e dez rebotes.

Pelo Bucks, apenas dois jogadores fizeram mais que dez pontos: Drew Gooden, com 18, e Keyon Dooling. Após criticar a diretoria do time na semana passada, o armador Brandon Jennings teve atuação apagada, com apenas oito pontos em 36 minutos.

O 14 a 0 que Orlando fez nos primeiros seis minutos de jogo mostraram o que seria a partida. O período terminou 26 a 14 para os donos da casa, praticamente selando o jogo. No segundo quarto, Keyon Dooling até que tentou, com seus sete pontos, trazer o Bucks de volta ao jogo. Porém, foi em vão, com o Magic comandando o ritmo de jogo. No fim do primeiro tempo, 42 a 33 mostrava o placar, em favor dos anfitriões.

No início do segundo tempo, Milwaukee até que conseguiu se aproximar. Com cinco pontos do argentino Carlos Delfino, o time conseguiu cortar para 46 a 40 o déficit, quando Stan Van Gundy, técnico do Magic, pediu tempo. John Salmons resolveu aparecer e, com nove pontos, trouxe seu time para uma posse de bola de distância no fim do período, 57 a 55 para Orlando.

Orlando voltou mais ligado no último quarto e, fortalecendo sua defesa, conseguiu fazer o mínimo para se manter na liderança, que não foi perdida em momento algum do jogo.

No último segundo, New Jersey derrota Minnesota

Com arremesso acertado a 1.7 segundo do fim, o New Jersey Nets bateu, em casa, o Minnesota Timberwolves, por 107 a 105. Nenhuma das equipes almeja alguma coisa na temporada.

Brook Lopez, do Nets, foi o cestinha, com 30 pontos e 12 rebotes. O armador Deron Williams teve desempenho espetacular, com 18 pontos e 21 assistências, incluindo a cesta da vitória.

Pelo Wolves, Anthony Randolph e Michael Beasley tiveram "doubles-doubles". O primeiro teve 20 pontos e dez rebotes, enquanto o segundo teve 20 pontos e 11 rebotes.

Leia tudo sobre: nbamagicbucks

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG