Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

San Antonio vence Golden State com boa participação de Splitter

Pivô brasileiro atuou por 24 minutos, tendo somado 12 pontos e seis rebotes na vitória do Spurs sobre o Warriors

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237882356028&_c_=MiGComponente_C

Associação dos atletas quer fim do limite de idade para entrar na NBA
  • Fábio Sormani: Acesse o blog e leia sobre o início da temporada
  • Twitter do iG Esporte: Principais notícias, fatos inusitados, vídeos e opinião
  • O San Antonio Spurs recebeu o Golden State Warriors no seu ginásio e venceu por 111 a 94. O pivô brasileiro Tiago Splitter, que vinha sendo pouco utilizado na equipe texana, teve boa participação no jogo: nos 24 minutos em que esteve em quadra, anotou 12 pontos e pegou seis rebotes.

    O grande comandante da vitória do San Antonio foi o armador Tony Parker, com 19 pontos e nove assistências. Já o pivô DeJuan Blair alcançou o double-double: 15 pontos e 13 rebotes.

    AP
    Tiago Splitter disputa rebote com o pivô do Warriors Dan Gadzuric

    O reserva Reggie Williams se esforçou bastante para evitar a derrota do Golden State. Acertou oito bolas de três pontos e foi o cestinha do jogo com 31 pontos. O ala-pivô David Lee, por sua vez, somou 16 pontos, 13 rebotes e seis assistências.

    A defesa do Spurs apareceu bem, forçando o adversário a 21 desperdícios ofensivos. Além disso, teve dez posses de bola recuperadas. O ataque também funcionou de maneira bastante satisfatória, tendo acertado 51,2% dos seus arremessos.

    O Warriors anotou sete dos nove primeiros pontos da partida. Mas quem imaginava que os visitantes endureceriam a disputa, enganou-se: o Spurs assumiu o controle do jogo ainda no primeiro quarto e terminou o período vencendo por 29 a 19. Os dez pontos de superioridade foram mantidos pelo restante da metade inicial e o time da casa foi para o intervalo ganhando por 57 a 47.

    A vitória do San Antonio não foi ameaçada em momento algum da segunda metade. A equipe manteve distância segura do rival ao longo dos dois últimos quartos e, com total domínio das ações, confirmou o resultado positivo sem grandes dificuldades.

    Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG