Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

San Antonio chega a nove vitórias seguidas ao bater o Utah

Tim Duncan tornou-se o maior cestinha da história do Spurs na NBA; Tiago Splitter, mais uma vez, ficou no banco

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237859364082&_c_=MiGComponente_C

O San Antonio Spurs bateu o Utah Jazz fora de casa por 94 a 82 e chegou à sua nona vitória consecutiva. O pivô brasileiro Tiago Splitter não entrou em quadra um minuto sequer: pela segunda vez seguida, não foi utilizado pelo treinador Gregg Popovich.

Tony Parker foi o cestinha do jogo com 24 pontos, além de ainda ter distribuído sete assistências e roubado quatro posses de bola. O armador acertou 11 dos seus 17 arremessos de quadra.

Mas a noite foi inesquecível para outro jogador do San Antonio: o ala-pivô Tim Duncan. O veterano anotou 19 pontos e pegou 14 rebotes, registrando um double-double. E com esta pontuação, ultrapassou David Robinson e tornou-se o maior cestinha da história da franquia na NBA.

Isso porque George Gervin ainda é o principal artilheiro do Spurs com um total de 23.602 pontos. Gervin atuou pelo San Antonio quando a franquia jogava pela ABA antes de se unir à NBA.

AP
Tim Duncan enterra e anota dois dos seus 19 pontos no jogo

A principal figura do Utah no jogo foi o armador Deron Williams, dono de 23 pontos e cinco assistências. Já o ala-pivô Paul Millsap teve 12 pontos e sete rebotes.

O domínio em dois fundamentos ilustra a superioridade do Spurs no marcador. A equipe foi melhor nos rebotes (46 a 31) e nas roubadas de bola (10 a 5).

A vitória dos visitantes começou a ser construída ainda no primeiro quarto, quando limitaram o ataque adversário a apenas 14 pontos e abriu distância de dois dígitos. Daí em diante, mantiveram-se no comando do marcador.

O Utah ainda chegou a se aproximar: no final do terceiro quarto, perdia por apenas dois pontos (70 a 68). Mas voltou a cair de produção no último período e não teve forças para emplacar a virada.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG