Tamanho do texto

Comandante da seleção brasileira de basquete fará uma série de encontros com os atletas que atuam na NBA e na NCAA

Rubén Magnano, técnico da seleção brasileira, tem viagem marcada para os EUA nesta segunda-feira (28). Acompanhado do assistente, José Alves Neto, vai ao encontro dos atletas brasileiros que atuam na NBA e NCAA (liga universitária norte-americana).

A primeira conversa acontecerá com Nenê Hilário já na terça-feira (1º) em Denver. Magnano e Neto aproveitarão para assistir o pivô em ação no dia seguinte, na partida do Nuggets contra o Charlotte Bobcats.

Na quinta-feira (3), vão em direção a San Antonio. Encontrarão Tiago Splitter e verão no dia seguinte o confronto entre o Spurs, time do pivô catarinense, e o Miami Heat.

Na sequência da excursão, entre os dias 6 e 9, Magnano e Neto vão à Carolina do Norte acompanhar os treinos da Universidade de Duke, que é comandada por Mike Krzyzewski – técnico da seleção norte-americana. Depois, a dupla vai a Nova York para ver o pivô Fabrício Melo, que defende a Universidade de Syracuse.

A última parada será no dia 11 em Toronto, no Canadá. Magnano e Neto conversarão com o ala-armador Leandrinho Barbosa e assistirão o jogo do Raptors contra o Indiana Pacers.

Vale lembrar que Leandrinho já declarou à imprensa norte-americana que não pretende participar do Pré-Olímpico com a seleção brasileira. Disse que precisa descansar.

Na agenda do treinador da seleção brasileira, não consta um encontro com Anderson Varejão. O ala-pivô do Cleveland Cavaliers recupera-se de uma cirurgia no tornozelo direito e não terá condições de participar do Pré-Olímpico.