Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Recorde de 100 pontos de Wilt Chamberlain completa 50 anos

Ex-pivô registrou a marca quando atuava pelo Philadelphia Warriors, em partida contra o New York Knicks

Luís Araújo, iG São Paulo |

Há exatos 50 anos, no dia 2 de março de 1962, Wilt Chamberlain registrou o recorde de pontos de um jogador em uma única partida da NBA. O ex-pivô anotou 100 pontos e comandou a vitória do Philadelphia Warriors (atual Golden State Warriors) sobre o New York Knicks por 169 a 147. O palco do jogo foi a cidade de Hershey, localizada no estado da Pennsylvania, onde o Warriors mandava alguns dos seus jogos do campeonato na tentativa de atrair um novo público.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Apenas 4.124 espectadores foram ao ginásio assistir à partida, que não foi transmitida na televisão e não tem registros em vídeo. Além disso, ningúem da imprensa de Nova York compareceu ao confronto.

Chamberlain acertou 36 arremessos em 63 tentados na partida. Nos lances livres, converteu 28 dos 32 que arriscou – desempenho bem superior em relação ao aproveitamento de 51,1% registrado no fundamento ao longo da carreira. Sua atuação ainda foi coroada com os 25 rebotes que pegou.

Leia mais sobre basquete no blog do Fábio Sormani

Ao final dos dois primeiros quartos, Chamberlain já tinha marcado 41 pontos. “Eu geralmente ia para o intervalo com 30 ou 35 pontos, mas ter feito 41 não representava grande coisa”, disse Chamberlain. Seus companheiros de time, no entanto, não pensavam da mesma maneira e pareciam já perceber que o recorde estava prestes a ser estebelecido.

De acordo com o que escreveu o autor norte-americano Gary Pomerantz no livro "Wilt, 1962: The Night of 100 Points and the Dawn of a New Era“, o armador Guy Rodgers sugeriu ao restante do elenco do Warriors durante o intervalo: "Vamos dar a bola para Wilt e ver quantos pontos ele consegue fazer”. Frank McGuire, técnico do time, aceitou a ideia.

Veja também: Kobe Bryant contracena com estrelas do futebol italiano. Assista

Já sem qualquer chance de se classificar aos playoffs, o Knicks adotou como meta para o segundo tempo do jogo brecar ao máximo a pontuação de Chamberlain, ainda que isso custasse as chances de buscar a virada. Para isso, o time nova-iorquino chegou a fazer marcação quádrupla no pivô do Warriors. Apesar de todo o esforço dos rivais, Chamberlain anotou 28 pontos no terceiro quarto e chegou à marca de 69.

No último período, o locutor do ginásio anunciava a contagem de pontos de Chamberlain a cada cesta que ele fazia. Quando atingiu a casa dos 80 pontos, já tinha quebrado o recorde de pontos em uma partida. Mas a torcida, não satisfeita, passou a gritar para que ele buscasse a pontuação centenária.

AP
Chamberlain é cumprimentado por companheiros e torcedores após marcar 100 pontos

A marca dos 100 pontos foi alcançada quando restavam 46 segundos para o fim. O ala-pivô Joe Ruklick fez um passe para Chamberlain completar para a cesta. Assim que a bola entrou, alguns torcedores invadiram a quadra para cumprimentá-lo. Enquanto isso acontecia, Ruklick correu em direção aos responsáveis pelas estatísticas do confronto para ter a certeza de que a assistência para a cesta história tinha sido creditada em seu favor.

E mais: Barack Obama diz ter descoberto Jeremy Lin antes da fama

Após o jogo, já nos vestiários, Harvey Pollack, diretor do Warriors, escreveu o número 100 em um papel e deu para Chamberlain, que o segurou e posou para uma das fotos mais famosas da NBA. Curiosamente, o fotógrafo responsável pela imagem não estava lá a trabalho e queria apenas levar uma recordação para o filho.

Chamberlain terminou a temporada 1961/62, a terceira da carreira, com médias de 50,4 pontos e 25,7 rebotes por partida. Apesar do seu desempenho expressivo, o Philadelphia Warriors não conseguiu passar da final da Conferência Leste e foi eliminado para o Boston Celtics, que caminhou para o quarto dos oito títulos que conquistou em sequência.

Leia tudo sobre: basquetenbawilt chamberlain

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG