Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Presidente do Phoenix Suns assume homossexualidade

Rick Welts foi o arquiteto do ''All-Star Weekend'' e pretende ser um mentor para homossexuais que querem fazer carreira no esporte

iG São Paulo |

O presidente do Phoenix Suns, Rick Welts, assumiu que é homossexual. O executivo é o primeiro homem em uma posição gerencial proeminente de uma liga masculina norte-americana a fazer tal revelação sobre sua opção sexual.

O anúncio foi feito em uma reunião em que o executivo reuniu amigos, companheiros de trabalho e um repórter do jornal do "The New York Times". Para Welts, de 58 anos, este é um esforço que visa derrubar um tabu nos esportes nos EUA.

“Ninguém nesta indústria está confortável em iniciar uma discussão sobre este assunto”, disse Welts, que foi o arquiteto das mudanças que transformaram o “All-Star Game” no “All-Star Weekend”. Agora, o dirigente pretende se tornar um mentor para homossexuais que querem fazer carreira nos esportes.

Antes de assumir sua opção sexual, Welts conversou com amigos sobre a mensagem que gostaria de passar com o anúncio público. O comissário da NBA, David Stern, o armador Steve Nash e o ex-jogador presente no Hall da Fama, Bill Russell, estiveram entre os consultados pelo executivo.

Nash deu enorme apoio ao executivo. “Qualquer um que não esteja preparado para isso precisa acordar”, disse o veterano atleta. “Ele está fazendo um favor para aqueles que não estão prontos para isso”.

O atual treinador do Suns, Alvin Gentry, parabenizou Welts pela posição e não vê nada mudando na relação entre ambos. “Estou feliz por Rick porque acho que ele tirou muito peso das costas”, afirmou. “Eu vejo-o ou julgo-o diferente por causa disso? Nunca. Tenho lidado com Rick pelos últimos sete anos e ele é um grande executivo e pessoa. Para mim, é irrelevante”.

Stern também não ficou surpreso com a notícia do presidente do Suns e espera que a maioria tenha a mesma reação que ele teve. “O que eu não disse naquele momento foi: penso que existe uma boa chance de o mundo achar que isso não é uma anormalidade”, falou o comissário.
 

Leia tudo sobre: NBARick WeltsPhoenix SunsDavid Stern

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG