Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Prefeito de Sacramento diz que NBA não definiu saída do Kings

Decisão era para ter sido tomada na segunda, mas foi transferida para 2 de maio. Magnata do supermercado quer comprar franquia

iG São Paulo |

Lideranças políticas e do mundo dos negócios de Sacramento esperam conseguir persuadir dirigentes da NBA a vetar a transferência do Kings para a cidade de Anaheim, ao sul de Los Angeles. A família Maloof, proprietária da franquia, já solicitou à liga a mudança de endereço. Até ginásio eles já arrumaram.

Semana passada, o prefeito da capital da Califórnia, Kevin Johnson, ex-armador do Phoenix Suns, vice-campeão da NBA na temporada 1992/93, esteve reunido com o presidente da liga, comissário David Stern, em Nova York, sede da entidade. Saiu esperançoso do encontro.

Nesta terça-feira, KJ, como Johnson era chamado em seus tempos de jogador, disse que alguns proprietários de equipes ficaram impressionados com o aporte inicial de US$ 7 milhões que a cidade já disponibilizou para que o Kings não saia de Sacramento. Um comitê formado por donos de franquias é que tomará a decisão.

“O fato de termos conseguido adiar a decisão em duas semanas já é um grande negócio para nós”, disse Johnson em sua primeira entrevista coletiva depois de regressar de Nova York. “Demos um grande passo”.

A decisão inicial da NBA era para ser dada na última segunda-feira. Depois do encontro com o prefeito de Sacramento, ficou adiada para o dia 2 de maio próximo.

Nesta quinta-feira, a NBA vai enviar dois representantes a Sacramento. Eles vão analisar a situação pessoalmente. A família Maloof quer a construção de uma nova arena com recursos públicos e isso tem sido um dos grandes empecilhos para que haja um acordo entre as partes.

Se um acerto não ocorrer, lideranças da cidade esperam que a franquia seja vendida ou então que a NBA aprove a criação de outra equipe em Sacramento. Ron Burkle, magnata dos supermercados na Califórnia, mostrou-se interessado em comprar a franquia. Mas os Maloof reafirmaram que não pretendem vender o Kings.
 

Leia tudo sobre: Kevin JohnsonSacramento KingsMaloofNBA

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG