Apesar de mais uma boa atuação da dupla formada por Eric Gordon e Blake Griffin, time de Los Angeles foi superado pelo Blazers

O Los Angeles Clippers vinha de três vitórias consecutivas. Mas a reação no campeonato foi brecada nesta quinta-feira com a derrota fora de casa para o Portland Trail Blazers por 108 a 93.

O armador Eric Gordon acertou sete bolas de longa distância e foi o cestinha da partida com 35 pontos. Pegou ainda cinco rebotes e deu quatro assistências. Já o calouro Blake Griffin somou mais um “double-double” para sua coleção: foram 20 pontos e 18 rebotes do jovem ala-pivô nesta noite.

Com 28 pontos e oito rebotes, o também ala-pivô LaMarcus Aldridge foi a principal figura do Portland em quadra. O ala-armador Wesley Matthews contribuiu com os mesmos 28 pontos e ainda distribuiu cinco assistências.

Os jogadores do Blazers demonstraram pontaria calibrada: foram 44 arremessos certos em 78 arriscados, o que resulta num aproveitamento de 56,4%. O Clippers, por sua vez, teve índice de conversão de 43,2%.

Blake Griffin enterra para marcar dois dos 20 pontos que anotou no jogo
AP
Blake Griffin enterra para marcar dois dos 20 pontos que anotou no jogo
Outro dado nas estatísticas que acabou contribuindo para o resultado do encontro foi o número de desperdícios de posse de bola. A equipe de Los Angeles cometeu 15 erros ofensivos – mais do que o dobro do Portland, que teve apenas sete.

Quem assistiu os cinco minutos iniciais de disputa, viu um amplo domínio dos visitantes: o Clippers marcou 16 dos 18 primeiros pontos da partida e rapidamente assumiu o controle das ações.

O Blazers, no entanto, não demorou muito para reagir e encostou no marcador ainda na reta final do primeiro quarto. E após uma cesta de três de Matthews, com pouco menos de três minutos para o intervalo, conseguiu passar à frente (47 a 45) pela primeira vez na noite. Daí em diante, a liderança não mudou mais de lado.

Depois de ter ido para os vestiários vencendo por cinco pontos (55 a 50), o Portland levou sua vantagem para a casa dos dois dígitos no terceiro período. Manteve distância segura em relação ao rival até o desfecho da disputa e assegurou o triunfo sem grandes dificuldades.

    Leia tudo sobre: nba
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.