Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Pippen volta atrás e coroa Jordan maior de todos os tempos

Ex-atleta crê que seu comentário foi mal compreendido e parceiro de Chicago Bulls é escolha óbvia como maior jogador da história

iG São Paulo |

Scottie Pippen não tem tido vida fácil desde que afirmou que LeBron James poderia ser melhor do que Michael Jordan e o ala do Miami Heat possuía recursos para dominar uma partida como o considerado melhor jogador de todos os tempos nunca teve. O comentário rendeu-lhe várias críticas, inclusive de até outros ex-atletas .

Agora, depois da péssima atuação de LeBron nas finais da NBA , Pippen veio a público e voltou atrás. “Os comentários que fiz foram basicamente elogiando James, não para desmerecer ninguém como Jordan”, explicou. “Todos sabemos que Michael é o melhor jogador da história”.

Além disso, o ex-atleta creditou a grande polêmica que suas palavras geraram a uma interpretação equivocada da imprensa. “Eu acho que isso foi tirado um pouco do contexto”, afirmou. “Senti que fui encarado mais por uma conclusão feita por estatísticas do que por elogios”.

Pippen revelou que, desde o ocorrido, conversou com Jordan inúmeras vezes e que não houve qualquer tipo de discórdia entre eles por causa do comentário. “Eu falo com Michael o tempo todo”, disse. “Não há nenhum problema entre nós. Eu acho que isso foi repercutido um pouco demais”.

O número de críticas recebido pelo ex-jogador foi altíssimo, mas ele não pareceu incomodado com a situação desconfortável. Na verdade, Pippen passou os últimos dias bem longe de onde qualquer comentário da imprensa pudesse o encontrar.

“Eu fui para o sul e aproveitei um tempo sem mídia, sem televisão, e só fiquei curtindo a vida”, afirmou. “Então, eu realmente não peguei muito das críticas. Mas estou pronto para seguir em frente”.

 

Leia tudo sobre: NBAScottie PippenMichael JordanLeBron James

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG