Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Pierce volta a dar show e Boston supera New Jersey

Ala se recuperou de uma das piores partidas da sua carreira e comandou a vitória do Celtics. Detroit bateu Indiana na prorrogação

iG São Paulo |

O Boston Celtics recebeu o New Jersey Nets nesta quarta-feira e venceu por 94 a 80.

Paul Pierce se recupero de uma das piores atuações de sua carreira, na vitória sobre o Miami Heat, quando não acertou nenhum de dez arremessos. Nesta noite o ala acertou dez de 18 chutes e foi o cestinha da partida com 31 pontos.

Kevin Garnett chegou ao “double-double” com 14 pontos e dez rebotes e Rajon Rondo fez apenas sete pontos, mas deu oito assistências.

Pelo Nets, Brook Lopez foi o artilheiro com 18 pontos. O pivô foi seguido por Devin Harris, com 16 e Anthony Morrow (14). Nenhum outro atleta do New Jersey chegou aos dois dígitos em qualquer quesito.

O time de Nova Jersei soma a 40ª derrota na temporada. Já o Boston lidera a Conferência Leste com 40 vitórias.

No último quarto Ray Allen acertou um arremesso de três para dar a vantagem para o Celtics por 80 a 78. A partir do arremesso a equipe começou uma série de 16 pontos contra nenhum dos visitantes. O Nets conseguiu apenas dez pontos em todo o quarto período, contra 24 dos anfitriões.

Detroit bate Indiana na prorrogação

Jogando em casa o Detroit Pistons precisou da prorrogação para bater o Indiana Pacers por 115 a 109.

Tayshaun Prince foi o melhor em quadra com 25 pontos e 11 rebotes. Rodney Stuckey colaborou com mais 18 pontos e Tracy McGrady com 15. Ben Gordon deixou o banco para anotar mais 16 pontos.

Pelo Pacers, Roy Hibbert, com 29 pontos e nove rebotes foi o cestinha e destaque da equipe. Danny Granger anotou outros 28 pontos. Josh McRoberts chegou ao “double-double” com 15 pontos e 12 rebotes.

O Detroit dominou o jogo a maior parte do tempo e chegou a ter uma vantagem de dez pontos no último período, mas deixou o Indiana empatar com 15 segundos para o fim. Prince teve a chance do último arremesso, mas não converteu ou sofreu a falta.

O atleta, no entanto, resolveu na prorrogação. Ele pegou um arremesso errado de Gordon e enterrou, dando a confortável vantagem de seis pontos com pouco mais de um minuto pro fim do tempo extra.
 

Leia tudo sobre: NBA

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG