Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Phoenix estraga estreia de D-Will em New Jersey na prorrogação

Channing Frye acertou uma cesta de três com seis segundos para o fim e virou o jogo. Deron tentou, mas errou lance final

iG São Paulo |

Getty Images
Nash e Williams se cumprimentam antes do jogo
O Phoenix Suns visitou o New Jersey Nets e arrancou a vitória por 104 a 103 apenas nos segundos finais da prorrogação.

A cesta de três de Channing Frye, com apenas seis segundos para o fim do tempo extra, estragou a primeira partida de Deron Williams no ginásio do Nets.

O estreante teve uma grande atuação e distribuiu 18 assistências. Ele completou a apresentação com mais 13 pontos. O cestinha foi Brook Lopez, que fez 28 pontos e ainda apanhou dez rebotes. Kris Humphries contribuiu com 16 pontos e 15 rebotes e Anthony Morrow com mais 22 pontos.

Frye, que frustrou a estreia de Williams, anotou apenas sete pontos e apanhou oito rebotes. Os reservas é que garantiram a disputa até o final. Marcin Gortat e Hakim Warrick deixaram o banco para anotarem 17 e 16 pontos cada. No time titular, Steve Nash fez dez pontos e distribuiu 15 assistências, enquanto Robin Lopez fez 14 pontos.

A equipe de Nova Jersey ainda não venceu desde a chegada de D-Will, como é conhecido e, na verdade, perdeu a sexta seguida.

As assistências de Williams e a mão certeira de Anthony Morrow deram ao Nets a chance de levar a partida para a prorrogação. A equipe perdia por 92 a 87, quando Deron achou Morrow livre para arremessar da linha de três pontos.

Getty Images
Nash e Williams se enfrentam
Depois, a equipe perdia por 94 a 90, depois dos lances livres de Nash. No entanto, D-Will mais uma vez encontrou Morrow livre para fazer mais três pontos e diminuir a desvantagem para apenas um.

Frye fez uma enterrada e o armador mais uma vez tocou para o companheiro chutar para três, dessa vez ele sofreu falta e acertou a sequência de lances livres para empatar o jogo.

Na prorrogação, as equipes trocaram pontos, mas logo de cara Robin Lopez converteu a bandeja e ainda sofreu a falta, para dar um ponto de vantagem para o Suns. A equipe tentou controlar a diferença, mas Humphries acertou um tapinha com um minuto e meio para o fim e colocou o Nets na frente por 102 a 99.

Os anfitriões poderiam ter saído vencedores ou levado o jogo para uma segunda prorrogação, mas Brook Lopez errou um lance livre. Gortat diminuiu a desvantagem e uma cesta de três de Frye, nos seis segundos finais, definiu a virada do Phoenix.

Ainda deu tempo de D-Will tentar uma última jogada, mas o astro errou o arremesso. Humphries deu um tapa, a bola caiu, mas o cronômetro já havia zerado.

Leia tudo sobre: NBAPhoenix SunsNew Jersey Nets

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG