Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Ourinhos e Santo André decidem título da LBF em jogo único

Confronto deste domingo, que será realizado na cidade de São José dos Campos, definirá o campeão da primeira edição da liga

iG São Paulo |

A primeira edição da Liga de Basquete Feminino conhecerá seu campeão neste domingo. Ourinhos e Santo André se enfrentam no ginásio Lineu de Moura, localizado na cidade de São José dos Campos. A decisão será em jogo único. Ou seja: o vencedor deste confronto fica com o título.

As duas equipes viveram momentos diferentes na competição antes de chegarem à final. Santo André fez uma ótima campanha na primeira fase, tendo vencido todos os seus sete compromissos do segundo turno. Por outro lado, Ourinhos passou por período complicado na competição, mas subiu de produção depois da chegada do experiente treinador Antonio Carlos Barbosa.

Com 12 vitórias em 14 rodadas, Santo André ficou com a segunda melhor campanha da fase de classificação, atrás apenas de Americana. Como o regulamento previa vaga direta às semifinais aos dois primeiros colocados, não disputou o primeiro confronto mata-mata.

A história foi diferente com Ourinhos. O time classificou-se em quarto lugar ao vencer sete vezes e perder outras sete ao longo da primeira fase. Antes de chegar às semifinais, venceu duas vezes Mangueira na série de quartas-de-final.

Nas semifinais, ambos os times tiveram bastante trabalho para derrotarem seus oponentes, tanto que só carimbaram o passaporte para a decisão após o quinto e último jogo de suas séries. Santo André passou por Catanduva, já Ourinhos deixou o líder Americana para trás.

Destaques

Dono do segundo melhor ataque da LBF, o Santo André registra média de 76,5 pontos por jogo. Este número só não supera os 79,9 pontos por partida de Catanduva. A equipe do ABC paulista destaca-se também em um fundamento de defesa: possui o melhor índice de roubos de bola por confronto (12,3).

Defesa é o grande trunfo de Ourinhos na competição. O time comandado por Barbosa sofre apenas 62,4 pontos por partida. Este desempenho só não é melhor do que o de Americana, que limitou seus oponentes a uma média de 58,8 pontos por jogo.

Confira as médias das jogadoras que compõem os elencos de Ourinhos e Santo André:

Ourinhos (Téc.: Antonio Carlos Barbosa) Pontos Rebotes Assistências
5 - Bethania (Armadora) 8,6 3,5 4,9
47 - Chuca (Ala) 12,0 5,6 2,5
8 - Djane (Ala-pivô) 6,8 3,8 0,5
11 - Fernanda (Ala) 7,6 4,1 1,1
18 - Jennifer (Ala) 5,5 1,4 0,9
22 - Joice (Ala-armadora) 11,2 3,2 4,0
7 - Letícia (Ala) - 1,5 0,5
4 - Milene (Pivô) 2,7 2,3 1,7
43 - Monah (Ala) 0.4 1,7 0,6
6 - Plutin (Pivô) 11,2 7,0 1,6
15 - Tatiana (Pivô) 7,9 6,2 2,0
14 - Tatiele (Pivô) 3,7 2,7 0,7

Santo André (Téc.: Laís Elena) Pontos Rebotes Assistências
5 - Ariadna (Ala) 17,9 6,3 2,4
11 - Carina (Ala-armadora) 0,4 0,6 0,4
13 - Ega (Ala-pivô) 12,2 6,7 2,9
26 - Fabiana (Ala-pivô) 5,9 1,9 0,9
78 - Katia (Ala) 6,8 1,1 1,9
4 - Luana (Ala) - - -
7 - Luciane (Pivô) 1,8 1,3 0,1
8 - Micaela (Ala) 14,3 5,2 2,8
10 - Paula (Ala-armadora) 4,9 1,6 3,2
14 - Simone (Pivô) 7,2 7,6 1,9
17 - Tayara (Ala) 8,4 2,3 0,9
12 - Vanuzia (Ala-pivô) 3,3 2,0 0,7

 

Leia tudo sobre: lbfourinhossanto andré

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG