Depois de movimentar o mercado do basquete esta semana, o Magic já procura um pivô para dar descanso a D12

undefined
Dwight Howard vai ser muito mais exigido depois da saida de Gortat
Orlando Magic ainda não encerrou seu ciclo de contratações. Depois de mandar o pivô Marcin Gortat para o Phoenix Suns, como parte da troca que trouxe Hedo Turkoglu e Jason Richadson, a equipe agora procura uma peça de banco para Dwight Howard.

Os nomes buscados pela equipe da Flórida são Ronny Turiaf, do New York Knicks e Tony Battie, do Philadelphia 76ers. Segundo fontes na NBA, o Magic pretende usar o armador Chris Duhon e o ala Quentin Richardson como moedas de troca.

Battie visitou Dwight Howard nos vestiários, após a partida entre Sixers e Orlando no sábado. Perguntado sobre a possível volta para a Flórida para encerrar a carreira, o pivô disse: “Eu jogo pelo Sixers agora” e sorriu.

Turiaf, de 27 anos, é o reserva de Amar’e Stoudemire e apesar do Knicks procurar dar tempo em quadra para o jovem pivô Timofey Mozgov, Turiaf recebe US$ 4 milhões nesta temporada e é uma peça importante da equipe.

Um ponto positivo para que a troca aconteça é a participação de Duhon. Apesar do New York estar bem servido na posição com Raymond Felton, a equipe declaradamente procura um reserva e o armador do Magic foi titular com o treinador do Knicks Mike D’Antoni, antes de deixar a equipe para jogar na Flórida.

“Dizer que estamos resolvidos agora? Eu espero que não”, disse Otis Smith, diretor geral do Orlando “A gente ainda precisa de um homem grande para o garrafão. Isso é algo que tentaremos conseguir no próximo mês”.

Na partida de segunda-feira a equipe anotou apenas 38 rebotes, sendo 20 deles apanhados por Howard.

    Leia tudo sobre: NBA
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.