Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Orlando é superado dentro de casa pelo Detroit

Mesmo com os 21 pontos e 16 rebotes de Dwight Howard, Magic não conseguiu bater o Pistons. Na Filadélfia, Sixers passou pelo Suns

iG São Paulo |

O Orlando Magic foi surpreendido dentro de casa nesta segunda-feira. Mesmo atuando diante dos mais de 19 mil torcedores que compareceram ao seu ginásio, o Amway Center, caiu diante do Detroit Pistons por 103 a 96.

O ala-armador Tracy McGrady e o ala Austin Daye tiveram números idênticos: foram 20 pontos e sete rebotes para cada um dos dois, destaques do Detroit no jogo. O ala Tayshaun Prince teve os mesmos 20 pontos e distribuiu seis assistências.

Já Richard Hamilton, que vem sendo deixado no banco de reservas desde que seu nome passou a ser envolvido em rumores sobre uma possível negociação, foi novamente preterido pelo treinador John Kuester. Esta foi a oitava partida seguida que o armador ficou sem atuar.

Pelo lado do Orlando, brilhou mais uma vez a estrela de Dwight Howard. O pivô marcou 20 pontos, apanhou 16 rebotes e deu três tocos. Mas o cestinha da partida foi o ala-pivô Ryan Anderson, que saiu do banco para anotar 21 pontos.

Getty Images
Dwight Howard protege a bola da marcação de Ben Wallace

O Pistons soube tirar proveito dos erros ofensivos apresentados pelo rival durante a partida. Foram 26 pontos anotados provenientes dos 16 desperdícios de posse de bola cometidos pelo Magic.

McGrady fez 17 dos seus 20 pontos durante os dois primeiros quartos do confronto. E foi graças ao inspirado começo de jogo do veterano jogador, que já defendeu o Orlando entre os anos de 2000 e 2004, que o Detroit encerrou a metade inicial vencendo por dez pontos (56 a 46).

A situação do time da casa seguia complicada na volta do intervalo. Em determinado momento do terceiro quarto, chegou a permitir que o Pistons abrisse 14 pontos de vantagem.

Mas ao anotar dez dos 14 primeiros pontos do último quarto, o Magic cortou a desvantagem para apenas quatro pontos (79 a 75) e deu sinais à sua torcida de que partiria pra cima do adversário em busca da virada. No entanto, não foi isso o que aconteceu.

Mesmo empurrado pelos fãs, o time local não conseguiu mais ficar tão próximo do empate. Melhor para o Pistons, que resistiu à pressão e conseguiu vencer o Magic pela primeira vez na temporada, depois de ter sido derrotado nos dois encontros anteriores.

Philadelphia vence Phoenix

Inspirado, Thaddeus Young saiu do banco de reservas para comandar a vitória do Philadelphia 76ers dentro de casa sobre o Phoenix Suns por 105 a 95.

O ala foi o cestinha da partida com 24 pontos, além de ainda ter capturado sete rebotes e distribuído cinco assistências. Outro destaque do Philadelphia foi o ala-pivô Elton Brand, com 22 pontos e nove rebotes.

O Phoenix também contou com boa atuação de um reserva: o ala Jared Dudley, dono de 23 pontos e sete rebotes. Já o armador Steve Nash somou 17 pontos e nove assistências.

Leia tudo sobre: orlando magicdetroit pistonsnba

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG