Ataque do Grizzlies acertou apenas 36,2% dos seus arremessos de quadra contra a forte defesa do Magic

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237860358339&_c_=MiGComponente_C

O Orlando Magic chegou à sua sétima vitória em dez jogos disputados na temporada. Nesta segunda-feira (15), recebeu o Memphis Grizzlies no seu ginásio e levou a melhor por 89 a 72.

O ala Vince Carter foi o cestinha do confronto com 19 pontos, tendo acertado seis dos oito arremessos que tentou. Mas o principal atleta do Orlando no jogo foi Dwight Howard: além do double-double (18 pontos e 14 rebotes), deu dois tocos e roubou duas bolas do adversário.

AP
Dwight Howard bloqueia arremesso de Tony Allen

Quem mais se destacou no Memphis foi o pivô espanhol Marc Gasol, dono de 14 pontos e oito rebotes. Já os armadores O.J. Mayo e Mike Conley anotaram 11 pontos cada.

A defesa do Magic complicou bastante o desempenho ofensivo dos visitantes: o Grizzlies acertou apenas 29 dos 80 arremessos de quadra que tentou, o que representa um aproveitamento baixíssimo de exatos 36,2%. Além disso, foi dominado nos rebotes: pegou 39 durante a partida, oito a menos que o rival.

A vitória do Orlando começou a ser construída logo no princípio da disputa. O time anotou os oito primeiros pontos da noite e manteve-se à frente no marcador durante o jogo todo. Venceu o primeiro quarto por 20 a 12 e não demorou muito no período seguinte para abrir dois dígitos. Foi para os vestiários liderando por 47 a 34.

Logo nos minutos iniciais da segunda metade, o Memphis chegou a se aproximar com perigo. Uma cesta de Conley deixou os visitantes a cinco pontos do empate (51 a 46). Mas o Magic anotou nove dos 11 pontos seguintes, voltou a se distanciar no placar e não deu mais chances para o adversário roubar a vitória.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.