Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Nowitzki quer Dallas atento e adverte que série não está definida

Dono de 29 pontos no quinto jogo das finais, alemão evita comemorações e pede que Mavericks mantenha o foco no restante da decisão

iG São Paulo |

O Dallas Mavericks jamais esteve tão próximo do título da NBA como está neste momento. Com a vitória nesta quinta-feira dentro de casa sobre o Miami Heat por 112 a 103 , lidera a série decisiva por 3 a 2 e precisa de apenas mais um resultado positivo nas finais para se tornar campeão pela primeira vez na sua história.

“Foi uma grande vitória, é claro, não gostaríamos de dar ao Miami duas chances para que eles nos vençam dentro da casa deles”, disse o ala-pivô Dirk Nowitzki. “Agora, devemos encarar o jogo do domingo como se fosse o sétimo da série, pois não é bom dar qualquer tipo de esperança a um time como o Miami”.

Nowitzki foi o grande responsável pelo sucesso do Dallas no jogo, algo que tem sido bastante comum nestas finais. O alemão foi o cestinha do confronto com 29 pontos e ainda pegou seis rebotes.

O elenco de apoio da equipe também apareceu bem e exerceu grande influência no resultado. Além de Nowitzki, quatro outros jogadores do Mavericks atingiram o duplo dígito de pontuação. O principal deles foi o armador Jason Terry, que saiu do banco para anotar 21 pontos, sendo oito deles marcados nos quatro minutos finais.

Getty Images
Dirk Nowitzki em ação pelo Dallas. Alemão anotou 29 pontos na vitória da equipe no quinto jogo da decisão
“Ele foi fenomenal”, declarou Nowitzki. “Ele foi agressivo desde o começo do jogo, tentando algumas bandejas, partindo para infiltrações. Esse é o Terry que nós precisamos, que ataque e entre no garrafão. Assim, ele abre bastante espaço para os outros jogadores”.

A única experiência anterior em finais, ocorrida há cinco anos, ensinou ao Dallas a lição de que ficar próximo do título é uma coisa, mas que para vencê-lo é necessário aplicar quatro vitórias sobre o oponente.

Por este motivo, Nowitzki preferiu economizar na comemoração da vitória desta quinta. Ele sabe que ainda falta dar mais um passo para se sagrar campeão e sentir o gosto de comemorar na casa do rival – assim como o Miami Heat, o mesmo adversário deste ano, fez em 2006 .

“É uma série melhor de sete, e não melhor de cinco”, afirmou Nowitzki. “Ou seja, vence quem ganhar quatro partidas. Por isso, não podemos celebrar hoje. A série não acabou. É como se os dois times tivessem vencido todos os jogos em casa. Eles ainda têm duas partidas no ginásio deles para fazer. Então, não há nada o que celebrar”.

Leia tudo sobre: dallas mavericksnbadirk nowitzki

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG