Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Nenê faz "double-double" na vitória do Denver sobre o Boston

Pivô brasileiro anotou 12 pontos e pegou dez rebotes para o Nuggets, que ficou os últimos seis minutos de jogo sem sofrer cestas

iG São Paulo |

Nenê Hilário teve boa atuação e ajudou o Denver Nuggets a bater o Boston Celtics dentro de casa nesta quinta-feira por 89 a 75. O pivô brasileiro fez um “double-double” ao somar 12 pontos e dez rebotes para o time do Colorado, que enfim pôde contar com seus jogadores recém-adquiridos.

O armador Raymond Felton, os alas Wilson Chandler e Danilo Gallinari e o pivô Timofey Mozgov atuaram pela primeira vez com a camisa do Denver. O único que começou jogando foi Gallinari, que teve atuação apagada: acertou apenas um arremesso em seis tentados e marcou somente dois pontos. O melhor estreante foi Chandler, que fez 16 pontos e capturou cinco rebotes em cerca de 25 minutos em quadra.

O grande destaque do Denver, no entanto, foi Kenyon Martin. O ala-pivô foi o cestinha do jogo com 18 pontos, além de ter apanhado dez rebotes.

O Boston estava bastante desfalcado. Por conta das trocas que realizou durante o dia, o time de Massachusetts teve apenas nove jogadores à disposição para esta partida. O ala Paul Pierce somou 17 pontos e seis rebotes para os visitantes. Já o ala-pivô Kevin Garnett fez um “double-double”: 14 pontos e 13 rebotes.

O ótimo desempenho na defesa acabou sendo determinante para que o Nuggets saísse de quadra com a vitória: o Celtics converteu apenas 39% dos seus arremessos. Os rebotes também ilustram a superioridade dos mandantes no confronto: foram 52 capturados no total, contra 38 dos rivais.

O Boston até começou melhor a partida e venceu o primeiro quarto por 23 a 18. Mas passou a encontrar dificuldades para atacar logo em seguida, tanto que fez apenas 13 pontos durante todo o segundo período. O Denver conseguiu passar à frente e foi para o intervalo um ponto à frente (37 a 36).

A partida seguiu bastante equilibrada pelo decorrer da segunda metade. Quando restavam pouco mais de seis minutos para o encerramento do confronto, Pierce acertou uma bola de três pontos que deu a liderança aos visitantes (75 a 73). Contudo, esta foi a última vez que o Celtics pontuou na noite.

O que aconteceu durante os seis minutos finais de jogo foi impressionante: a defesa do Nuggets simplesmente anulou o ataque adversário, que não fez nem mais uma cesta sequer. Foram 16 pontos em sequência até a sirene soar e anunciar o fim da disputa. Os mandantes conquistaram a terceira vitória consecutiva.

Leia tudo sobre: denver nuggetsnbaboston celtics

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG