Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

Nenê faz 12 pontos e seis rebotes na derrota fora de casa do Denver

Nuggets ainda teve a chance de vencer no fim, mas foi superado pelo Charlotte e teve sua série invicta interrompida

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237882275874&_c_=MiGComponente_C

Não foi desta vez que o treinador George Karl chegou a 1000 vitórias na carreira. Isso porque a sua equipe, o Denver Nuggets, visitou o Charlotte Bobcats e foi superada por 100 a 98, tendo interrompida sua série invicta que já durava sete jogos. O pivô brasileiro Nenê teve 12 pontos e seis rebotes nos 36:18 minutos em que esteve em quadra durante a derrota do time do Colorado.

O ala-armador Stephen Jackson comandou o Charlotte em quadra. Além de ter anotado 23 pontos, pegou nove rebotes e deu sete assistências. O ala Gerald Wallace também teve boa participação no triunfo dos mandantes: somou 20 pontos, nove rebotes e cinco assistências.

Getty Images
Nenê briga pela disputa de bola com D.J. Augustin

O Denver teve o cestinha da partida. Trata-se do veterano armador Chauncey Billups, que fez 25 pontos e ainda roubou quatro posses de bola. Já o astro Carmelo Anthony apareceu com 22 pontos e sete rebotes.

O Bobcats foi melhor na etapa inicial. Com uma corrida de dez pontos consecutivos entre o final do primeiro quarto e o começo do segundo, abriu 27 a 16 no placar. Apesar de permitir uma aproximação dos visitantes, manteve-se à frente até o intervalo e foi para os vestiários vencendo por cinco pontos: 52 a 47.

Os dois times passaram por altos e baixos no terceiro quarto. O Nuggets anotou os oito primeiros pontos da segunda metade e passou à frente (55 a 52). Mas a resposta veio de maneira imediata: os mandantes fizeram dez pontos consecutivos e voltaram a comandar o marcador. O time do Colorado voltou a equilibrar e conseguiu empatar o jogo no final do período em 76 pontos.

O Charlotte dava sinais de que confirmaria a vitória com tranquilidade após a bandeja de Boris Diaw ter dado oito pontos (99 a 91) de superioridade à equipe, com cerca de um minuto e meio restante. Mas o Denver anotou sete dos oito pontos seguintes e voltou a encostar (100 a 98).

Billups ficou com o rebote do arremesso errado de Jackson a oito segundos do desfecho da partida. Dessa forma, o Nuggets teria tempo para tentar uma última jogada que evitasse a derrota. O armador arremessou uma bola de três no último segundo. Mas a bola que viraria o jogo para os visitantes não caiu e o Bobcats comemorou o triunfo.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG