Publicidade
Publicidade - Super banner
Basquete
enhanced by Google
 

NBA elege Dwight Howard e Chris Paul como jogadores da semana

Pivô do Orlando e armador do New Orleans tiveram desempenho extraordinário na semana que passou

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237861573929&_c_=MiGComponente_C

Como acontece semanalmente, a NBA divulgou nesta segunda-feira os melhores jogadores das conferências Leste e Oeste. Do lado do Atlântico, o pivô Dwight Howard, do Orlando Magic, foi o escolhido; do lado do Pacífico, Chris Paul, do New Orleans Hornets acabou selecionado. Foram levados em conta os confrontos realizados entre os dias 1º. e 7 de novembro.

Pelo Leste, também receberam votos Elton Brand (Philadelphia), Toney Douglas (New York), Al Horford e Josh Smith (ambos do Atlanta), LeBron James e Dwyane Wade (ambos do Miami) e Gerald Wallace (Charlotte).

Pelo Oeste, foram também indicados Richard Jefferson (San Antonio), Emeka Okafor (New Orleans), Jason Richardson (Phoenix) e Luis Scola (Houston).

AP
Howard em ação frente ao Washington: pivô foi destaque na semana que passou

Dwight Howard teve excelente desempenho nesta semana que passou. Comandou o time da Flórida a três vitórias: 128 a 86 diante do Minnesota, 105 a 90 frente ao New Jersey e 91 a 88 contra o Charlotte.

Seu grande momento ocorreu no triunfo contra o Minnesota, quando marcou 18 pontos, 16 rebotes e oito tocos.  Quase um triple-double. Diante do New Jersey foram 30 pontos e 16 rebotes, sendo que na partida contra o Charlotte o Super-Homem (seu apelido na NBA) marcou 22 pontos e pegou oito rebotes.

Chris Paul é o comandante do invicto New Orleans, que surpreende a todos neste início de temporada. O Hornets, neste período analisado, bateu o Houston por 107 a 99, Miami por 96 a 93 e Milwaukee por 87 a 81.

Contra o Rockets, CP3 anotou 25 pontos, oito assistências, sete rebotes e quatro desarmes. Na marcante vitória diante do Heat, Paul deixou os seguintes números: 13 pontos, 19 assistências e cinco roubos de bola. Finalmente, diante do Bucks, foram 14 pontos, nove rebotes e seis assistências.

Leia tudo sobre: basquete - nba

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG